Esquadrão Antibombas

Polícia de São Paulo é acionada por granada falsa no Consulado da Rússia

Depois de algumas horas de ação foi que se percebeu que se tratava de uma granada falsa.

Polícia de São Paulo é acionada por granada falsa no Consulado da Rússia
O fato acontece justamente num período em que a Rússia está em conflito com a Ucrânia (Crédito: Matthew Stockman/Getty Images)

O Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) de São Paulo foi acionado na noite deste domingo (22) para atender uma ocorrência que registrava uma granada falsa na porta do Consulado da Rússia na cidade de São Paulo. O local foi interditado por algumas horas, mas foi liberado no início da madrugada desta segunda-feira (23).

Publicidade

A equipe especializada no desarme de explosivos do GATE chegou ao local com roupas especiais e com equipamentos necessários para a desativação da suposta bomba. Um robô também auxiliou na operação dos policiais. Depois de algumas horas de ação foi que se percebeu que se tratava de uma granada falsa.

A nota da Secretaria de Segurança Pública da cidade de São Paulo disse que o GATE foi acionado para apurar uma ocorrência de um suposto artefato explosivo na Avenida Lineu de Paula Machado, localizada na zona sul da cidade. O caso agora está nas mãos da Polícia Civil para que sejam tomadas as “devidas providências de polícia judiciária”, segundo a Secretaria.

Até o momento, o Consulado da Rússia não se manifestou sobre o acontecido.

Publicidade