deputado estadual - rj

Quem é o irmão de Bruno Gagliasso que se elegeu?

Apoiador de Jair Bolsonaro (PL), Thiago Gagliasso foi o sétimo parlamentar mais votado no Rio de Janeiro.

(Crédito: Reprodução/ Instagram)

Eleito com mais de 100 mil votos, Thiago Gagliasso (PL) foi o sétimo candidato mais votado para o cargo de deputado estadual pelo Rio de Janeiro. O político e ex-ator é conhecido por apoiar o presidente Jair Bolsonaro e pelas desavenças públicas com o irmão e a cunhada, Bruno Gagliasso e Giovana Ewbank.

Publicidade

Ao final da apuração deste domingo (02), Thiago agradeceu e comemorou o resultado nas redes sociais e disse que passaria a se dedicar à releição do atual mandatário. “Nossa missão só estará completa quando a gente reeleger o nosso presidente Bolsonaro! A tropa dele aumentou aqui no RJ e vamos para cima deles!”, escreveu no Twitter.

Publicidade

O político se tornou conhecido publicamente ao atuar em algumas novelas da Record nos anos 2000, como “Os Mutantes” (2008-2009) e “Luz do Sol” (2007). Em 2011, ele participou da 4ª edição do reality show “A Fazenda”. Em abril de 2019, Thiago Gagliasso foi nomeado para o cargo em comissão de assistente da Superintendência de Artes da Secretaria de estado de Cultura e Economia Criativa (SECEC), durante a gestão do governador cassado Wilson Witzel.

Amigo do ex-secretário de Cultura Mario Frias, eleito deputado federal por São Paulo, Thiago foi um dos mais destacados apoiadores de Bolsonaro nas redes, o que acabou criando uma racha entre ele, o irmão e a cunhada, por discordâncias políticas. O marido de Giovanna Ewbank apoia Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições deste ano e sempre foi contra o atual presidente da República. Por isso, os irmãos romperam relações há mais de três anos.

Nesta segunda-feira (03), o político postou um vídeo provocando o irmão mais velho e agradecendo de forma irônica por supostamente “ajudá-lo” a se eleger no Rio. “Queria te agradecer do fundo do coração. E você está convidado para fazer parte do gabinete. Você não quer apoiar a cultura? Mostra para a sua turma os trabalhos que a gente vai fazer e como se usa dinheiro público na cultura. Eu te ensino. Vem cá. Passa lá no gabinete”, declarou o futuro parlamentar.

Publicidade