Os bastidores assombrados de Invocação do Mal: os mitos e verdades na franquia

Os filmes fascinaram fãs ao redor do mundo, mas será que os bastidores são ainda mais assustadores? Descubra os segredos por trás das câmeras

Os filmes de Invocação do Mal fascinaram fãs ao redor do mundo, mas será que os bastidores são ainda mais assustadores? Descubra os segredos por trás das câmeras.
Descubra segredos por trás da franquia Invocação do Mal – Créditos: Divulgação/ Warner Bros

Se há algo que fascina e aterroriza o público de cinema são as histórias baseadas em eventos reais, especialmente aquelas que rondam o sobrenatural. “Invocação do Mal“, dirigido por James Wan, é uma dessas franquias que capturou a atenção mundial, trazendo para as telas eventos perturbadores. As assombrações são enfrentadas pelo casal caçador de demônios Ed e Lorraine Warren.

Publicidade

A saga de filmes começou com “Invocação do Mal” em 2013, seguido por sequências e spin-offs que continuaram a explorar casos paranormais investigados pelo casal Warren. De todos os filmes da série, “Invocação do Mal”, “Invocação do Mal 2” e “Invocação do Mal 3: A Ordem do Demônio” são aqueles que prometem uma conexão mais forte com eventos reais. Entretanto, é inevitável questionar até que ponto esses filmes permanecem fiéis aos casos originais e o que é adicionado para aumentar o suspense e o horror. Os bastidores das produções, portanto, são rondeados por polêmicas e desavenças.

Descubra os bastidores e polêmicas da franquia

Não é apenas o enredo de “Invocação do Mal” que é repleto de mistérios e controvérsias, os bastidores da produção desses filmes também são marcados por acontecimentos peculiares e, por vezes, aterrorizantes. Desde acidentes inexplicáveis até eventos sobrenaturais reportados pela equipe e elenco, parece que a aura do paranormal não se limita à tela.

Veja alguns destes casos:

1. Polêmicas no terceiro filme e o documentário

Publicidade

No terceiro filme, “A Ordem do Demônio”, foi retratada a história de Arne Cheyenne Johnson, que, em 1981, afirmou ter cometido homicídio por estar possuído por um demônio. Foi, inclusive, a única vez que possessão demoníaca foi usada como argumento de defesa nos tribunais estadunidenses. Porém, ao se envolverem na produção do filme, o casal Warren foi criticado.

O próprio Johnson acusou os dois, que na época tentaram o ajudar, de utilizarem sua história para ganhar dinheiro, numa tentativa de lucrar em cima de sua tragédia. Toda essa situação causou tanta polêmica que acabou ganhando um documentário na Netflix, chamado O Diabo no Tribunal.

2. Experiências assustadoras do elenco

Publicidade

Durante a gravação do primeiro filme da saga, os atores Patrick Wilson e Joey King disseram que passaram por experiências assustadoras. A atriz, que na época tinha apenas 13 anos, interpretava uma das filhas do casal e apareceu no set de filmagens com hematomas misteriosos em todo o corpo.

Em entrevista ao The Howard Stern Show ela disse que eles apareceram do nada e que ficou apavorada. No filme, uma das personagens tem hematomas pelo corpo após ser possuída.

Patrick também compartilhou que uma cortina dos locais de filmagem se movia constantemente sem motivo. A equipe chegou a investigar, mas ninguém conseguiu explicar o porquê.

Publicidade

3. O Museu Oculto dos Warren

No decorrer de suas investigações, os Warren colecionaram itens ditos assombrados, que foram guardados em um museu. Itens como a boneca Anabelle e um suposto caixão de vampiro faziam parte da coleção.  Mais tarde, o local teve que ser fechado devido a complicações legais e de zoneamento.

Os efeitos de “Invocação do Mal” no cinema e cultura popular

O impacto da franquia “Invocação do Mal” estende-se para além do cinema, influenciando a cultura pop e atraindo uma legião de fãs e curiosos pelas histórias de terror real. A fascinação pelo sobrenatural e pelo desconhecido parece ser um chamado quase irresistível, que se reflete no sucesso contínuo desses filmes.

Publicidade

Portanto, enquanto a linha entre a realidade e a ficção pode ser tênue em “Invocação do Mal”, o fascínio que a franquia desperta é indiscutivelmente real e poderoso. Para os fãs do gênero, os filmes da série são uma porta aberta para um mundo onde o paranormal encontra o cotidiano, deixando a eterna questão: até onde você acredita no desconhecido?

Siga a gente no Google Notícias

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber grátis o Menu Executivo Perfil Brasil, com todo conteúdo, análises e a cobertura mais completa.

Grátis em sua caixa de entrada. Pode cancelar quando quiser.