SINCERO

Daniel Cormier opina sobre futuro dos pesos pesados e efetivação de Tom Aspinall como campeão

Ex-campeão e comentarista expõe o pensamento de como as coisas deveriam acontecer na categoria

Daniel Cormier opina sobre futuro dos pesos pesados e efetivação de Tom Aspinall como campeão
Tom Aspinall (Crédito:: Reprodução)

Daniel Cormier, antigo detentor do título nos pesos pesados (até 120,2kg), compartilhou seu ponto de vista sobre o rumo da categoria. Em suas declarações à ‘MMA Fighting’, o ‘DC’ propôs que o Ultimate concedesse a Tom Aspinall o título linear da divisão. Ele destacou a injustiça de Aspinall ter que esperar, especialmente diante da afirmação de Jon Jones de que não pretende enfrentar mais ninguém além de Stipe Miocic.

Publicidade

Se (Jon) Jones e Stipe (Miocic) só vão lutar entre si, você não pode fazer com que Tom Aspinall defenda o título interino. Jones e Stipe não precisam do título em disputa. Eles podem apenas lutar e é o suficiente. Faça pelo posto de ‘Melhor de todos os tempos’. Não importa”, iniciou.

Na sequência, Cormier completou: “Criem um cinturão. Tom Aspinall é o cara que vai liderar a categoria dos pesados nos próximos anos. Jones é o campeão linear, conquistou isso ao vencer Ciryl Gane. Mas ele só vai lutar com o Stipe e só daqui a sete meses? Então, coloca o Tom Aspinall como campeão linear e não acho que alguém reclamaria”.

No UFC 295, em 11 de novembro, Tom conquistou o cinturão interino dos pesos pesados ao nocautear Sergei Pavlovich em pouco mais de um minuto. Agora, o atleta britânico aguarda o desenrolar da situação entre Jon Jones e Stipe Miocic. Aos 30 anos, Aspinall teve apenas uma derrota em oito lutas no Ultimate e possui um histórico no MMA de 14 vitórias e três derrotas.

*com a colaboração de Savanna Machado

Publicidade

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber grátis o Menu Executivo Perfil Brasil, com todo conteúdo, análises e a cobertura mais completa.

Grátis em sua caixa de entrada. Pode cancelar quando quiser.