Primeiro Clássico-Rei de 2022 termina empatado no Castelão

Apesar de cada equipe ter apenas 10 atletas, o espaço em campo não foi bem aproveitado e os times pouco criaram

O primeiro Clássico-Rei de 2022 terminou empatado. Com um primeiro tempo tenso, falha do goleiro Fernando Miguel e atuação impecável de João Ricardo, Fortaleza e Ceará ficaram no 1 a 1 no Castelão, com mando de campo do Leão do Pici. Com o resultado, o Tricolor de Aço lidera o Grupo A da Copa do Nordeste com 7 pontos. Já o Vozão é o primeiro do Grupo B, com 4 pontos em dois jogos.

Publicidade

O Fortaleza quase abriu o placar logo aos 13 minutos do primeiro tempo. Pikachu cruzou pela direita na cabeça de Igor Torres, dentro da pequena área, obrigando João Ricardo a salvar a primeira grande chance da noite. Apesar do ataque tricolor, quem abriu o placar foi o Vozão, no minuto seguinte. Mendoza avançou pela direita, jogou a bola na área e Fernando Miguel falhou. Ele pulou atrasado, a bola passou por baixo e acabou sofrendo o primeiro gol do Clássico-Rei.

O Leão do Pici cresceu na partida e chegou ao empate em um belo gol. Aos 35 minutos, Moisés recebeu passe de Ronald, dominou na entrada da área com a perna esquerda e bateu de direita no cantinho de João Ricardo para deixar tudo igual. Na comemoração jogadores das duas equipes iniciaram uma briga e o árbitro deu cartão vermelho para Cléber, do Ceará, e Romarinho, do Fortaleza.

A virada só não ocorreu no fim do primeiro tempo porque João Ricardo fez um milagre. Aos 42 minutos, Lucas Lima cruzou pela esquerda e Pikachu apareceu sozinho, dentro da pequena área, para finalizar. O goleiro do Ceará salvou com o pé direito, em cima da linha.

O Fortaleza voltou com tudo na segunda etapa. Aos 9 minutos Moisés recebeu lançamento longo de Fernando Miguel e soltou a bomba de perna esquerda, que explodiu no travessão de João Ricardo. A resposta do Vozão veio apenas aos 23 minutos, com Zé Roberto chutando rasteiro, cruzado, e a bola passou bem perto da trave direita de Fernando Miguel.

Publicidade

Apesar de cada equipe ter apenas 10 atletas, o espaço em campo não foi bem aproveitado e os times pouco criaram. A última chance de vitória foi do Leão do Pici, com Depietri, que aproveitou boa jogada de Romero e arrematou para João Ricardo salvar mais uma vez o Ceará.

Na próxima rodada o Fortaleza enfrenta o Náutico, sábado (12), nos Aflitos, às 17h45 (horário de Brasília). Já o Ceará recebe o Sampaio Corrêa no mesmo dia, no Castelão, às 16h.

(Agência Brasil)

Publicidade