DESMORALIZADOS

Vice-secretária dos EUA diz que Rússia está próxima do colapso na Ucrânia

Munições, equipamentos e veículos deixados para trás pelos russos tem indicado falta de força, de acordo com autoridades ocidentais.

Vice-secretária dos EUA diz que Rússia está próxima do colapso na Ucrânia
Rússia pretende anexar regiões separatistas ucranianas (Créditos: Spencer Platt/Getty Images)

Em entrevista para a rede de televisão MSNBC nesta terça-feira (20), a vice-secretária de Estado dos EUA, Wendy Sherman, disse que as tropas da Rússia “parecem perto do colapso”. Ela ainda disse que Vladimir Putin está começando a tomar medidas desesperadas.

Publicidade

Durante a conversa, Sherman confirmou que existem preocupações nos Estados Unidos de que, temendo pelo colapso, a Rússia pode começar a usar armas nucleares ou químicas, o que ela definiu como “tipos de armas de guerra que ele não deveria”.

Espero que ele entenda o que o presidente acabou de transmitir: não. Não. Não”, disse ela.

Sherman também acusou os referendos que serão promovidos nas regiões separatistas de serem falsos. A Rússia pretende promover plebiscitos nas regiões de Luhansk e Donetsk, cujo movimento separatista é a origem da guerra civil na Ucrânia que incitou a escalada do conflito.

Os referendos serão promovidos nos dias 23 e 27 de setembro com o objetivo de apurar a vontade da população dessas áreas de se juntar à Rússia e, caso sejam favoráveis, legitimar a anexação. A estratégia é a mesma que foi usada na região da criméia, anexada pelas forças russas em 2014 após a votação se revelar favorável à anexação. Até hoje autoridades ocidentais e o governo ucraniano criticam a veracidade da apuração.

Publicidade