Rússia avança com tropas e tanques para o leste da Ucrânia

A Rússia mobilizou de um a dois grupos táticos de batalhão, cada um com uma média de cerca de 800 soldados

Rússia avança com tropas e tanques para o leste da Ucrânia
Putin está movendo forças e tanques adicionais para os territórios ocupados de Donbass”, disse o primeiro-ministro da Letônia, Arturs Krisjanis Karins (Créditos: Sean Gallup/Getty Images)

Tropas e tanques são movidas para a fronteira lesta da Ucrânia pela Rússia, os mesmos locais que o presidente russo Vladimir Putin, reconheceu, na segunda-feira (21), como territórios independentes.

Publicidade

“De acordo com as informações à minha disposição, Putin está movendo forças e tanques adicionais para os territórios ocupados de Donbass”, disse o primeiro-ministro da Letônia, Arturs Krisjanis Karins, à CNN Internacional. Segundo a emissora, a informação foi confirmada por fontes da inteligência dos EUA. “Por qualquer definição, isso é uma travessia de um território soberano para um país vizinho”, completou o premiê.

Região de Donbass é onde estão localizadas as autoproclamadas repúblicas autônomas de Donetsk e Lugansk, que, além de terem sido reconhecidos por Putin, começaram a receber milhares de russo depois que o presidente afirmou que enviaria missões de paz.

Segundo informações de um alto funcionário dos EUA repassadas à CNN Internacional, a Rússia mobilizou de um a dois grupos táticos de batalhão, cada um com uma média de cerca de 800 soldados.

Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, nesta terça-feira (22), descreveu os últimos movimentos de Moscou “o início de uma invasão russa”, mas considerou que ainda pode ser possível evitar “o pior”.

Publicidade