Fale conosco

O que vc está procurando?

Carros

Ford apresentou a nova picape compacta Maverick

A assinatura do oval revelou os principais detalhes da picape inédita. Menor que o novo Ranger, terá versões híbridas e competirá com modelos como o Fiat Toro

Ford apresentou a nova picape compacta Maverick
(Crédito: Divulgação)

A espera acabou e a Ford apresentou a Maverick, a nova picape compacta que enfrentará modelos como Fiat Toro, Hyundai Santa Cruz, Volkswagen Tarok e Renault Duster Oroch.

A inédita picape da marca é produzida no México e chegará à argentina em breve. Além de ter um design exclusivo, é desenvolvido na plataforma (C2), a mesma do Bronco Sport, modelo com o qual compartilha vários elementos, inclusive dispositivos de equipamentos.

Além disso, mostra o típico traço “quadrado” do Bronco, embora mede 5,07 m de comprimento, 1,84 m de largura e 1,74 m de altura, enquanto a distância entre eixos é de 3,07 m. Até sua imponente grade pode ser uma dica de como será o futuro Ranger. Os faróis em forma de C e uma faixa que atravessa a frente da picape também são suas características distintivas.

A capacidade de carga da inédita picape compacta Ford Maverick, é de 680 quilos. Por dentro, destaca-se um volante já conhecido na família Ford, com instrumentos modernos e completos. O display horizontal central é relevante no painel de controle, enquanto os comandos do ar condicionado estão localizados abaixo. A central multimídia terá o sistema Sync3, Android Auto, Apple Car Play e Wi-Fi a bordo. Por sua vez, o Maverick receberá ajuda para dirigir.

O seletor de marcha em forma de botão radial chama atenção, já que a Ford optou por não apostar em uma alavanca e incentivar o mesmo mecanismo utilizado pelos modelos mais recentes da marca. Outra característica que chama a atenção é a janela no vidro traseiro, característica muito particular das picapes grandes.

Sob o capô, há um motor híbrido de 194 cv com um motor 2,5 a gasolina, associado a uma caixa CVT automática. Quem quiser mais potência terá uma variante com turbocompressor 2.0 Ecoboost de 254 cv e 38,2 kgm de torque com câmbio automático de oito marchas e tração nas quatro rodas, uma notícia muito boa da Ford diante do processo de eletrificação que já começou a sofrer.

*Texto publicado originalmente no site Parabrisas, da PERFIL Argentina.

Mais em Perfil

Últimas Notícias