Fale conosco

O que vc está procurando?

Economia

Anitta e Nubank: a força de grandes marcas juntas

Você pode não gostar de Anitta e suas músicas, mas é inegável todos os frutos que ela colheu em sua carreira, até o presente momento. Anitta é formada em Administração e entende como ninguém os passos para internacionalização de marca (algo que o NuBank busca), bem como sobre estratégia e marketing

Anitta e Nubank a força de grandes marcas juntas
(Crédito: Divulgação)

Com certeza, uma das notícias mais comentadas é sobre a Anitta fazer parte do conselho de administração do Nubank. Mas por qual motivo Anitta foi escolhida para essa função, ao invés de algum nome poderoso na área de economia ou finanças?

Para quem não sabe, uma empresa convida um profissional de fora ao seu conselho, quando quer uma opinião e visão diferente da sua, complementando sua tomada de decisão com uma opinião de alguém que tenha experiência estratégica de mercado em outro setor, que muitas vezes a empresa não têm tanto “know-how”, ou para alguma área que gostaria de melhorar.

Você pode não gostar de Anitta e suas músicas, mas é inegável todos os frutos que ela colheu em sua carreira, até o presente momento. Anitta é formada em Administração e entende como ninguém os passos para internacionalização de marca (algo que o NuBank busca), bem como sobre estratégia e marketing: a artista possui milhões de fãs e seguidores nas mídias sociais (são mais de 50 milhões só no Instagram) e o Nubank busca ampliar seu alcance, dialogando com um novo público, principalmente com a geração Z.

Além do mais, na série “Made in Honório”, Anitta mostra que, além de ser uma das maiores artistas pop nacionais da atualidade, é empreendedora, tendo assim muito a agregar com sua visão de mercado à fintech. Anitta já deu palestra em Harvard e em 2019 fez uma parceria inédita com a gigante Ambev, ocupando a cadeira de líder de criatividade e inovação da empresa de bebidas.

Anitta também, assim como uma startup, é muito boa em encontrar lacunas ainda não atendidas no mercado (growth hacking) e atua com agilidade, lançando rapidamente seus produtos e serviços e melhorando-os de acordo com o feedback de seus fãs.

Não podemos nos esquecer também que ambas as marcas (Anitta e Nubank) possuem sinergia em sua cultura e propósito.

Portanto, Anitta terá muito a contribuir estrategicamente para Nubank em assuntos relacionados ao engajamento nas mídias sociais, como conversar com geração Y e Z, lançamento de novos produtos e serviços, além da consolidação e internacionalização de uma grande marca para América Latina, Estados Unidos e Europa.

*Por Mariana Munis – professora de Marketing e Comportamento do Consumidor da Universidade Presbiteriana Mackenzie Campinas.

Mais em Perfil

Últimas Notícias