Fale conosco

O que vc está procurando?

Entretenimento

Filme de Lázaro Ramos com Taís Araújo estreia na Noruega

Longa recebeu inúmeros elogios da crítica especializada em suas passagens pelo SXSW, no Texas, e pelo Pan African Film, em Los Angeles – o filme estreia no Brasil no segundo semestre de 2021

Taís Araújo e Alfred Enoch
Taís Araújo e Alfred Enoch (Crédito: Divulgação)

O primeiro longa de Lázaro Ramos, “Medida Provisória” – que no exterior ganhou o nome de “Executive Order” – tem sido aplaudido em festivais de cinema internacionais e conquistado a crítica especializada, a exemplo do SXSW (South by Southwest), em Austin, no Texas, e do Pan African Film, em Los Angeles, ambos realizados em março.

“Estou muito honrado com todas as críticas que nós temos recebido. Eu sempre quis que fosse uma história universal que tivesse impacto e estou muito feliz com a compreensão das pessoas”, conta Lázaro

Nesta quinta-feira, 18, o ator se prepara para a estreia em mais um festival, desta vez na Europa, no Cine Latino Bergen, na Noruega. Em abril o filme integrará o Chicago Latino Film Festival, também nos Estados Unidos – no Brasil a estreia é prevista para o segundo semestre de 2021.

No Pan African Film, o longa foi apresentado pelo festival em suas redes sociais como o “melhor filme brasileiro desde “Cidade de Deus”. Nos maiores jornais do Texas, ganhou críticas calorosas: o Austin American Statesman disse que “seu enredo torna uma distopia muito plausível”, enquanto o Austin Chronicle afirmou que o filme é “profundamente intrigante, realista e atraente e que há histórias suficientes para uma minissérie”. Outras dezenas de sites na internet também repercutiram “Executive Order”, confira uma seleção:

“Um diretor apaixonado que promete ser uma voz importante no cinema internacional. Lázaro tem muito a dizer e precisa ser ouvido”, Slug Magazine.

“Medida Provisória coloca perfeitamente mais uma coroa na cabeça de Lázaro Ramos e mostra que o cinema brasileiro está muito vivo – e continuará a prosperar apesar de todos os desafios”, Jump Cut Online

“Com um excelente elenco, roteiro forte e personagens que interessam aos espectadores, o filme é altamente envolvente”, Monsters and Critics

“Todo o elenco faz um trabalho fantástico em retratar o amor e a felicidade, bem como os momentos difíceis em que os personagens tentam sobreviver. Alfred e Taís são particularmente fascinantes”, Shuffle Online

“O filme é repleto de boas atuações. Especialmente seu Jorge tem uma presença física forte que pulsa vida e espontaneidade. Já Alfred Enoch faz uma transformação crível de advogado honesto em rebelde desesperado”, World Socialist Website

“Inegavelmente urgente. Lázaro e seus atores merecem elogios pela inteligência emocional do filme e pelos momentos de honestidade”, What to Watch

“Taís Araujo como Capitú é terna e feroz, um equilíbrio difícil de dominar”, Jump Cut Online

É assustador pensar que há verdade na intolerância. A voz influente de Lázaro destaca o julgamento e a desigualdade. Suas promessas dramáticas falam de sua paixão como contador de histórias e como brasileiro”, The AU Review

“Baseado em uma peça de teatro, o filme é envolvente e angustiante e destaca as questões de raça em um contexto de gênero que mantém a tradição de temas distópicos clássicos”, Film and TV Now

Vale lembrar que “Medida Provisória” já foi premiado em outubro de 2020, no Indie Memphis Film Festival, nos Estados Unidos, quando recebeu o troféu de melhor roteiro para Lázaro Ramos e Lusa Silvestre, e os co-roteiristas Aldri Anunciação e Elísio Lopes Jr.

O longa é baseado no sucesso teatral brasileiro “Namíbia, Não”, de Aldri Anunciação, escrito originalmente em 2011. A trama se passa num Brasil distópico em que uma medida de reparação social afeta diretamente a vida de uma família, são eles o jovem casal Capitú (Taís Araújo) e Antonio (Alfred Enoch), e o primo, o expansivo André (Seu Jorge), que, de favor, mora na casa da dupla. Certo dia, o advogado Antonio vai para a justiça propor uma medida de reparação financeira pelos tempos de escravidão no Brasil. A proposta é respondida com a medida provisória que ordena que todos os negros brasileiros (chamados no longa de “melaninas acentuadas”) voltem para a África.

Veja também

Entretenimento

Inglesa está concorrendo pela segunda vez por uma estatueta dourada

Tecnologia

Como plataformas como Netflix, Disney+, AmazonPrimes e HBO Max devem se popularizar e fidelizar clientes

Entretenimento

Com lançamento previsto para junho, o longa é estrelado pela espanhola Carmen Maura e traz ainda outros grandes nomes no elenco, como Dira Paes,...

Entretenimento

O professor e filósofo Gabriel Chalita lançou nesta segunda-feira, 5, seu mais novo livro, intitulado "Viver é Verbo", pela Editora Serena