Fale conosco

O que vc está procurando?

Esporte

CSA derrota Botafogo-SP e volta ao G4 da Série B

csa-derrota-botafogo-sp-e-volta-ao-g4-da-serie-b

Tudo azul para o CSA. A equipe alagoana espantou a má fase derrotando o Botafogo-SP por 3 a 1, nesta terça-feira (19) em Ribeirão Preto, chegou aos 56 pontos e voltou ao G4 da Série B do Campeonato Brasileiro com a derrota do Juventude para o Avaí.

Lutando contra o rebaixamento, o Pantera não perdia em casa há seis partidas e vinha de cinco jogos se invencibilidade. O Botafogo está bem perto do rebaixamento para a Série C e agora torce contra Náutico e Vitória, que entram em campo nesta quarta-feira (20).

O jogo

O CSA começou melhor a partida, com posse de bola e levando perigo ao gol de Igor. Não demorou muito para o time alagoano criar a primeira oportunidade. Aos sete minutos, Yago recebeu com liberdade na intermediária e avançou. Mesmo com espaço para entrar na área, ele preferiu arriscar de fora da área e a bola passou por cima.

Após a chance, o Azulão passou a ter dificuldade, principalmente pela boa marcação em cima de Nadson e passou a incomodar os visitantes. Aos 17 minutos, o Pantera perdeu grande chance. Martinelli avançou pela esquerda e tocou rasteiro para a pequena área. Jeferson tentou finalizar de carrinho, mas acabou não pegando bem. Mesmo assim, a bola levou muito perigo a Matheus Mendes.

Jeferson chegou a abrir o placar, aos 20 minutos, mas a arbitragem marcou impedimento do atacante. Aos poucos, Nadson encontrou liberdade e o CSA ficou mais perto do gol. Aos 35 minutos, o camisa 8 cobrou escanteio fechado e obrigou Igor a fazer boa defesa para evitar o gol olímpico. Três minutos depois, veio o primeiro do jogo. Rodrigo Pimpão recebeu pela direita e fez longo lançamento para a área. Nadson apareceu entre os zagueiros e, de cabeça, fez 1 a 0 para o Azulão.

No último lance do primeiro tempo, Valdemir quase empatou. O volante chutou forte de fora da área, no ângulo direito, obrigando Matheus Mendes a fazer linda defesa.

Precisando atacar para chegar pelo menos ao empate, o Botafogo encontrou muita dificuldade no segundo tempo. O CSA acertou a marcação e o Pantera só conseguia finalizar em tiros de longa distância, sem muitos problemas para o goleiro Matheus Mendes.

O Azulão aproveitou o momento ruim dos donos da casa para ampliar o marcador. Aos 26 minutos, Gabriel cruzou pela esquerda e Walisson Maia tentou afastar de cabeça, mas acabou errando. A bola sobrou para Pimpão, que dominou e, com calma, marcou o segundo. Cinco minutos depois, o zagueiro do Botafogo se recuperou. Ele aproveitou a cobrança de escanteio de Matheus Anjos e, de cabeça, diminuiu a vantagem: 2 x 1.

O CSA sentiu o gol e o Botafogo cresceu na partida, mas a reação parou aos 42 minutos. Rafinha, que tinha entrado no segundo tempo, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. A cobrança de falta na área do CSA acabou virando contra-ataque, que terminou no gol de Pedro Júnior. Pedro Lucas finalizou, Igor tentou a defesa, mas a bola acabou sobrando livre para o camisa 19 decretar o placar.

Na próxima rodada, o CSA recebe o Brasil de Pelotas, sexta-feira (22), às 19h15, no Rei Pelé. Já o Botafogo enfrenta o Vitória na terça-feira (26), às 21h30, no Barradão.

Sampaio bate Confiança

No Batistão, o Sampaio Corrêa derrotou o Confiança por 1 a 0, com um gol de Marcinho, aos 13 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o Sampaio Corrêa chegou a 51 pontos, ocupando a sétima posição na classificação. O Confiança permanece com 45 pontos, na 13ª posição. Na próxima rodada, o Sampaio Correa encara o Cuiabá, sexta-feira (22), às 21h30, na Arena Pantanal. O Confiança recebe o América-MG, no sábado (23), às 16h30.

Veja a classificação da Série B do Brasileiro.

Agência Brasil