Fale conosco

O que vc está procurando?

Esporte

Sul-Americano de Esportes Aquáticos: Brasil encerra liderando natação

sul-americano-de-esportes-aquaticos:-brasil-encerra-liderando-natacao

O Brasil encerrou, na noite da última sexta-feira (19), o Campeonato Sul-Americano de Esportes Aquáticos como o líder no quadro de medalhas da natação com o total de 11 ouros, 11 pratas e 14 bronzes. Para isto, a delegação somou mais oito medalhas no último dia de disputas da modalidade na competição realizada no Parque Olímpico da Juventude, em Buenos Aires (Argentina).

O destaque do Brasil foi Rafaela Raurich, que garantiu o ouro na prova dos 200 metros estilo borboleta e a prata nos 400 metros estilo livre. “Estou muito satisfeita com meu desempenho aqui em Buenos Aires. A prova de 200 metros borboleta foi bem legal, gostei bastante da maneira que nadei. Depois, nos 400 metros, senti um pouco o cansaço, mas consegui essa medalha muito importante para o Brasil”, falou a paranaense em entrevista à Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA).

Além das medalhas de Rafaela, o Brasil garantiu um ouro com Gustavo Saldo nos 200 metros borboleta. Na mesma prova, mas no feminino, Maria Luiza Pessanha ficou com o bronze. Nos 50 metros livre, Lucas Peixoto ficou em primeiro. Já nos 400 metros livre, Murilo Sartori foi ouro e Pablo Vieira prata. Além disso, a equipe brasileira ficou com o bronze no revezamento 4×100 metros medley misto.

Medalhas no nado artístico

O dia também foi de conquistas no nado artístico, com o dueto formado por Luísa Borges e Laura Miccuci ficando com a prata. Já o dueto misto formado por Anna Giulia Veloso e Fabiano Ferreira ficou com a terceira colocação. E na prova de highlight, o Brasil conquistou mais uma prata.

(Agência Brasil)

Mais em Perfil

Últimas Notícias