Americanas perde quase R$ 2 bilhões em valor de mercado após ter site fora do ar

A empresa afirmou que tirou parte de seus servidores do ar porque identificou um “risco de acesso não autorizado”

Americanas perde quase R$ 2 bilhões em valor de mercado após ter site fora do ar
Americanas perdeu uma posição na lista de empresas mais valiosas da Ibovespa (Crédito: Canva Fotos)

A Americanas S.A. perdeu quase R$ 2 bilhões em valor de mercado com a instabilidade no site da Americanas, do Submarino e do Shoptime, segundo a consultoria especializada Economática,. O grupo terminou esta segunda-feira (21) avaliado em R$ 27,9 bilhões.

Publicidade

Houve queda de R$ 1,97 bilhão no valor de mercado da empresa em relação à sexta-feira (18). As ações do grupo caíram mais de 6% depois que os sites das três marcas saíram do ar.

Ainda segundo a Economática, a Americanas perdeu uma posição na lista de empresas mais valiosas da Ibovespa. Agora, o grupo ocupa a 33ª posição no ranking.

A instabilidade nas páginas da Americanas e do Submarino começou na manhã de sábado (19), mas a situação do site foi normalizada na tarde daquele mesmo dia. A empresa afirmou que tirou parte de seus servidores do ar porque identificou um “risco de acesso não autorizado”.

No domingo (20), os sites voltaram a ficar fora do ar devido um acesso não autorizado. As páginas seguem indisponíveis desde então. Nesta segunda-feira (21), o site do Shoptime também foi tirado do ar.

Publicidade

Entregas atrasadas

Os perfis da Americanas, do Submarino e do Shoptime nas redes sociais informaram que a indisponibilidade das páginas poderá prejudicar a entrega de pedidos.

“Todos os pedidos serão entregues, mas por conta das instabilidades do site, poderão haver atrasos”, explicou a Americanas no Twitter.