Brasil ultrapassa 70% da população com vacinação completa contra a Covid-19

No total, 150.416.056 pessoas já tomaram a segunda dose ou a dose única

Brasil ultrapassa 70% da população com vacinação completa contra a Covid-19
Completaram a vacinação nas últimas 24 horas, 788.052 brasileiros, destes, 787.869 receberam a segunda dose e outros 183, a dose única (Créditos: Mario Tama/Getty Images)

O Brasil superou duas marcas na imunização contra a Covid-19, nesta quinta-feira (3). O país já está com 150 milhões de brasileiros coma vacinação completa. No total, 150.416.056 pessoas já tomaram a segunda dose ou a dose única. O país conta também com mais de 70% da população com o ciclo vacinal completo.

Publicidade

A plataforma Our World in Data, que é ligada à Universidade de Oxford, o Brasil está atrás de países como Chile (88,15%), Cuba (86,8%), China (84,99%), Uruguai (77,28%), Argentina (76,44%), Equador (74,31%) e Costa Rica (71,54%) quanto à porcentagem da população com vacinação completa.

Porém, observando pelo outro lado, o país está a frente de países como Peru (68,29%), Estados Unidos (63,61%), Colômbia (61,58%), México (59,23%), Índia (51,25%) e Rússia (47,95%).

Completaram a vacinação nas últimas 24 horas, 788.052 brasileiros, destes, 787.869 receberam a segunda dose e outros 183, a dose única. Neste meio tempo, também teve a aplicação de 491.995 primeiras e 2.291.006 de reforço, totalizando 3.571.053 doses entre hoje e ontem.

De acordo com o UOL, até o momento, 165.789.371 brasileiros já estão imunizado com a primeira dose, o equivale a 77,17% da população nacional. No total de doses administradas chegou a 48.452.157, com 2.188.009 crianças entre 5 e 11 anos já imunizadas com a primeira dose.

Publicidade

Ainda se mantém à frente o estado de São Paulo com a porcentagem maior: 79,47%. Em seguida vêm Piauí (76,91%), Minas Gerais (73,83%), Mato Grosso do Sul (72,74%) e Paraná (72,48%).

São Paulo também lidera, em termos percentuais quanto à primeira dose. 85,22% da população local. Piauí (84,41%), Santa Catarina (79,2%), Ceará (78,93%) e Paraná (78,64%) completam os cinco primeiros colocados.