Prefeitura recolhe roupas com lama em loja de Brumadinho

A loja do grupo Zema afirmou que as peças não seriam comercializadas

prefeitura-recolhe-roupas-com-lama-em-loja-de-brumadinho
Roupas expostas na Loja Zema (Crédito: Reprodução / Instagram @prefbrumadinho)

Prefeitura recolhe roupas e sapatos sujos de lama em loja de Brumadinho. Em uma loja da Região Metropolitana de Belo Horizonte, no centro da cidade, foram recolhidas 179 peças de roupas e 46 pares de sapatos. Segundo a prefeitura, os produtos estavam sendo vendidos.

Publicidade

A loja é do grupo Zema, da família do governador Romeu Zema que negou que as peças seriam vendidas. De acordo com o G1, o grupo Zema confirmou que a loja é da família do governador, mas afirmou que Romeu Zema não tem ligação na gestão.

Além disso, a loja afirmou que as peças estavam sujas, devido as enchentes, por isso tiveram perda dos produtos. Em parte da nota que o G1 recebeu o a loja dizia que as roupas não seriam comercializadas, pois a loja Zema tem respeito pelos clientes. “As lojas Zema ter respeito pelos clientes, e não comercializa produtos danificados em enchentes ou quaisquer outros tipos de avarias.”

A retirada das peças aconteceu na manhã desta quinta-feira (10) através da Vigilância Sanitária e equipes da Secretaria Municipal de Saúde. Segundo o município as roupas estavam sujas desde janeiro. As peças foram descartadas no aterro sanitário da cidade.