Três menores são salvos de afogamento em praia do Guarujá (SP)

As crianças resgatadas pelo Grupamento de Bombeiros Marítimo são da mesma família

Três menores são salvos de afogamento em praia do Guarujá (SP)
Todos foram resgatados com vida e foram encontrados entre os graus 0 e 1 de afogamento, que indica que estavam na fase inicial (Créditos: Buda Mendes/Getty Images)

Foram resgatados neste domingo (9), três menores de uma mesma família, de 11, 13 e 16 anos, na Praia de Pitangueiras, no Guarujá, Litoral de São Paulo, no momento em que estavam se afogando. 

Publicidade

Os menores foram salvos pelo Grupamento de Bombeiros Marítimo (GBMar), depois que um dos seus agentes, que fazia o trabalho de moto aquática, visualizou os três menores se afogando.

Todos foram resgatados com vida e foram encontrados entre os graus 0 e 1 de afogamento, que indica que estavam na fase inicial. As crianças são da mesma família e moram em Minas Gerais (MG).

Em um vídeo que circula nas redes sociais, as crianças gritam por socorro. Uma das adolescentes foi resgatada primeiro e imediatamente alertou ao agente da GBMar que seu irmão, de 11 anos, também estava se afogando. Em seguida, a segunda vítima foi resgatada, e por último, o menino.

O profissional assim que tirou as crianças da água, tentou acalmar os menores, enquanto encaminha para a areia. Todos foram devolvidos aos pais e estão bem.

Publicidade

Os agentes da GBMar explicaram que devido a uma corrente de retorno, arrastou as crianças para longe da orla da praia. É recomendado, que neste caso, os pais ou quem está responsável pelos menores fiquem atentos e próximos das crianças, para evitar desaparecimentos e tragédias.

O tenente do Corpo de Bombeiro André Vinicius Amorim, disse à TV Tribuna, que em casos de correntes de retorno no mar, os banhistas podem evitar acidentes nadando para o mais longe possível dessas correntes, de preferência próximo da faixa da areia.