Jogadores voltam ao Brasil após deixar Ucrânia

Profissionais estavam em Dnipro e tiveram que atravessar metade da Ucrânia para retornar ao Brasil.

Jogadores voltam ao Brasil após deixar Ucrânia
Jogadores estavam na quarta maior cidade da Ucrânia e tiveram que percorrer 1.000 km até fronteira com a Romênia (Crédito: Reprodução Redes Sociais)

Os jogadores brasileiros Bill e Busanello, do time Dnipro, da Ucrânia, conseguiram finalmente retornar para casa na noite deste sábado, 26. Os atletas haviam conseguido deixar a Ucrânia pela manhã e à noite embarcaram em Madri rumo ao Brasil, em voo com previsão de chegada a Guarulhos (SP) no começo da manhã de domingo. Felipe Pires também deve chegar ao Brasil, mas o horário do voo ainda não foi confirmado.

Publicidade

Os jogadores estavam em Dnipro, a quarta maior cidade do país, e para chegar à Romênia, tiveram que fazer um percurso de cerca de 1.000 km até a fronteira do país vizinho.

Pessoal, conseguimos sair pela fronteira Ucrânia x Romênia! Graças a Deus deu tudo certo. Orem, ajudem façam o que for possível para tentar resgatá-los daquele caos que está“, contou Bill por meio de sua conta oficial no Instagram.

Existem cerca de 40 jogadores brasileiros contratados por times da primeira e da segunda divisão ucraniana.

O Dnipro fez uma operação para orientar seus jogadores na evacuação da cidade. O clube reuniu seus atletas num hotel da cidade, onde poderia ter maior controle de todos eles. O chamado foi de madrugada, quando caíram as primeiras bombas. A cidade foi alvo de ataques da Rússia, que atingiu as bases militares afastadas da região central. Brasileiros do Shakhtar Donetsk e do Dinamo Kiev, que se reuniam em um bunker em um hotel da capital ucraniana, estão em viagem de trem em direção à fronteira com a Romênia e com a Moldávia.

Publicidade

Publicidade