Twitter

Conselho do Twitter se reuniu para reavaliar proposta de compra de Elon Musk

Nos últimos dias, Musk tem se reunido com acionistas importantes do Twitter, com a intenção de buscar apoio para sua oferta.

trabalho-remoto-ja-nao-e-aceitavel-diz-musk
Elon Musk (Créditos: Justin Sullivan/Getty Images)

O conselho de administração do Twitter se reuniu neste domingo (24) para reavaliar a proposta de compra da empresa por Elon Musk. O encontro indica um potencial indício de negociações com o proprietário da Tesla.

Publicidade

Segundo a CNN, uma fonte da rede social disse que as discussões em relação a oferta de Musk se tornaram sérias, o que indica, de fato, que o Twitter poder estar mais receptivo a chegar em um acordo. A informação foi noticiada pelo Wall Street Journal, em primeira mão.

De acordo com fontes ouvidas pela agência Reuters, as negociações da empresa com Elon Musk já iniciaram, após ele apresentar detalhes de sua oferta de US$ 43 bilhões para os acionistas da rede social. Segundo as fontes, a decisão da empresa de se envolver o bilionário não significa que a proposta será aceita.

Nos últimos dias, Musk tem se reunido com acionistas importantes do Twitter, com a intenção de buscar apoio para sua oferta. Ele insiste que a sua última proposta feita é a sua “melhor e última”, o que surgiu como um obstáculo para as negociações.

O conselho da empresa reuniu mais informações sobre a capacidade de Elon Musk de cumprir o acordo. O Twitter busca saber mais sobre investigações ativas sobre o CEO da Tesla, incluindo a Comissão de Valores Imobiliários dos EUA (SEC), o que pode representar um risco para o eventual acordo.

Publicidade