Luc Montagnier, virologista francês que descobriu o HIV, morre aos 89 anos

Montagnier foi quem liderou a equipe que descobriu o vírus da imunodeficiência humana (HIV)

Luc Montagnier, virologista francês que descobriu o HIV, morre aos 89 anos
De acordo com a imprensa francesa, Luc Montagnier morreu no hospital americano de Neuilly-sur-Seine, em 8 de fevereiro (Créditos: Vittorio Zunino Celotto/Getty Images)

Luc Montagnier, virologista francês, que descobriu o HIV e ganhou um prêmio Nobel de medicina pela descoberta, morreu aos 89 anos, informou à agência France Presse o prefeito de Paris, cidade que o pesquisador estava internado.

Publicidade

Montagnier foi quem liderou a equipe que descobriu o vírus da imunodeficiência humana (HIV). Foi feito nas redes sociais nesta quarta-feira (9) o anúncio de sua morte. De acordo com a imprensa francesa, Luc Montagnier morreu no hospital americano de Neuilly-sur-Seine, em 8 de fevereiro, “na presença de seus filhos”.

O prêmio Nobel por descobri o HIV foi concedido em conjunto para Montagnier e o pesquisador Françoise Barré-Sinoussi. Na época da premiação, tinha uma disputa de quem realemnte tinha descoberto o vírus. O Nobel foi visto como reconhecimento a Montagnier na polêmica sobre a descoberta, feito atribuído por mais de uma década ao americano Robert Gallo.

Segundo a agência EFE, ambos decidiram viver em paz anos mais tarde para unirem forças na luta contra a aids, depois que Gallo admitiu que Montagnier foi quem realmente descobriu o vírus.

É reconhecido no mundo científico o papel de Montagnier e Barré-Sinoussi, apesar dos méritos da equipe de Gallo, na demonstração definitiva que o HIV é o que causa a Aids, como reconheceu, sem citá-los diretamente, o Instituto Karolinska.

Publicidade

Nos anos 2000, Montagnier e Gallo dividiram o Prêmio Príncipe de Astúrias de Pesquisa Científica e Técnica por seus trabalhos sobre o HIV, e ambos, assim como Barré-Sinoussi, e deram seguimento no trabalho em um novo desafio: conseguir desenvolver uma vacina.

Polêmica sobre vacinas

O pesquisador, nos últimos anos, esteve envolvido em polêmicas por suas declarações controversas e sem comprovações científicas. Em maios de 2021, Montagnier disse em uma entrevista que as vacinas seriam responsáveis pela criação de novas variantes da Covid-19.

Suas falas, sem nenhum amparo na ciência, foram alvo de checagens por agências em todo o mundo. E todas elas chegaram a conclusão de que suas declarações eram falsas. Outros boatos surgiram após sua declaração, sobre a pandemia envolvendo o nome de Montagnier foram criados.

Publicidade

“O Dr. Luc Montagnier, ganhador do Prêmio Nobel em 2008 por sua descoberta do HIV, o vírus resistente a medicamentos que mais tarde se descobriu causar uma AIDS, faleceu. Enquanto dirigia uma unidade de pesquisa para uso em retrovírus, o Dr. Montagnier encontrou um novo retrovírus que estava se replicando”

Publicidade