Jogador do Corinthians, Robson Bambu é acusado de estupro

Denúncia foi registrada na 4ª Delegacia da Defesa da Mulher, Norte; Robson nega as acusações

Jogador do Corinthians, Robson Bambu é acusado de estupro
O jogador por meio de nota de sua assessoria de imprensa, afirmou estar seguro de sua inocência (Créditos: Redes Sociais / @robsonbambu_ / foto: rodrigo_coca)

Robson Bambu, zagueiro que chegou no último mês para defender o time do Corinthians, está sendo acusado de estupro de vulnerável por uma mulher de 25 anos. Ele negou a acusação, por meio de sua assessoria.

Publicidade

Segundo o ge, os fato teriam acontecido na última quinta-feira (3), pela manhã, depois que Robson Bambu, um amigo e duas garotas terem curtido a noite em uma casa noturna no Tatuapé, bairro da Zona Leste de São Paulo.

De acordo com as mulheres, houve consumo de bebida alcóolica na festa, e logo em seguida, os quatro foram para um hotel no galeão. No registro, que foi realizado na 4ª Delegacia da Defesa da Mulher, Norte, a garota que está acusando o jogador de estupro, diz que passou a noite com o amigo de Robson, numa relação consensual, enquanto sua amiga esteve acompanhada do jogador.

Porém, a mulher que o denuncia diz que se surpreendeu, ao acordar, com o jogador “deitado sobre ela, nu, e que ele introduzia o dedo em sua vagina”, e que o amigo dele estava no quarto e observava o ato.

O jogador por meio de nota de sua assessoria de imprensa, afirmou estar seguro de sua inocência. “É fantasiosa e sem sentido a história contada à Polícia envolvendo o jogador Robson Alves de Barros. O atleta não compreende as razões que motivaram a denunciante, mas já acionou seus advogados e está absolutamente seguro de que as investigações mostrarão que é inocente.”

Publicidade

O time do Corinthians disse que irá aguardar a apuração dos fatos e que não compactua com nenhum tipo de violência. “O Sport Club Corinthians Paulista tomou conhecimento do boletim de ocorrência feito contra o atleta Robson Bambu. O Clube não comentará o tema até que todos os fatos sejam esclarecidos mediante apuração. O Corinthians reitera que não compactua com nenhum tipo de violência.”

Publicidade