Urnas eletrônicas

Senadores debatem segurança no processo eleitoral

Em debate na CNN, os senadores Rogério Carvalho (PT-SE) e Carlos Portinho (PL-RJ) disseram que o processo eleitoral no Brasil, apresenta credibilidade.

senadores-debatem-seguranca-no-processo-eleitoral
O primeiro turno das eleições no Brasil, acontecerá no dia 2 de outubro (Crédito: Bruna Prado/Getty Images)

Os senadores Rogério Carvalho (PT-SE) e Carlos Portinho (PL-RJ) debateram nesta segunda-feira (16), ao vivo na CNN, sobre a segurança no processo eleitoral brasileiro. Ambos disseram que o sistema eleitoral no Brasil, que utiliza urnas eletrônicas desde 1996, apresenta credibilidade.

Publicidade

De acordo com a CNN, Portinho disse não ter dúvidas que as eleições serão limpas. “Não tenho a menor dúvida de que teremos eleições limpas, como sempre tivemos. Tanto nas eleições dos governos passados quanto na eleição do atual presidente, nunca houve a menor dúvida quanto ao processo eleitoral”.

Enquanto isso, Carvalho afirmou que o Brasil é um exemplo para o mundo inteiro no processo eleitoral. “Um dos poucos países do mundo, se não o único, que tem uma Justiça Eleitoral independente e que vem dando conta, com muita competência, com muita tecnologia. Viramos referência em eleições”.

Já em relação à segurança das urnas, o senador Rogério Carvalho disse que os equipamentos são testados para identificar se existem possíveis hackers e o senador Carlos Portinho afirmou ser importante que as legislações e os sistemas informativos sejam sempre atualizados.

O presidente Jair Bolsonaro (PL), que havia afirmado que as eleições serão limpas, voltou a dizer nesta segunda-feira (16) que as eleições precisam de voto auditável.

Publicidade

Publicidade