ViaMobilidade pode ser multada em até R$ 4,3 milhões pelo governo de SP

As linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda registraram mais de 30 problemas nos últimos 47 dias

viamobilidade-pode-ser-multada-em-ate-R$-4,3milhoes-pelo-governo-de-sp
Estação de trem em São Paulo (Alexandre Schneider/Getty Images)

Com a sucessão de falhas ocorridas nos trilhos, a ViaMobilidade pode ser multada em até R$ 4,3 milhões pelo governo de São Paulo. As linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda registraram mais de 30 problemas nos últimos 47 dias.

Publicidade

Nesta quarta-feira (16), a empresa foi notificada “em razão de descumprimentos de procedimentos operacionais e da interrupção da prestação do serviço”, em uma reunião realizada com representantes da Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM). De acordo com o portal G1, a ViaMobilidade tem um prazo de 15 dias para manifestação e apresentação de defesa e até então comunicou que “ações urgentes e imediatas que serão adotadas para mitigar as falhas operacionais ocorridas nas últimas semanas”.

“Após a finalização dos processos administrativos, a pasta poderá aplicar as sanções cabíveis”, completou a Secretaria dos Transportes Metropolitanos. Após a empresa assumir as linhas 8 e 9 do transporte sobre trilhos, que antes eram gerenciadas pela Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), as falhas e problemas passaram ser frequentes.

As constantes falhas prejudicam diariamente os usuários do transporte público, que enfrenam lentidão, velocidades reduzidas e superlotações nas estações e dentro dos trens.  “Não vem em velocidade reduzida, é se arrastando mesmo”, definiu uma usuária do transporte em São Paulo.