Alckmin se reúne com PSB e acerta sua filiação ao partido

Existe a expectativa de que Alckmin assine a ficha de afiliação na segunda quinzena deste mês de março, em um evento na capital paulista

Alckmin se reúne com PSB e acerta sua filiação ao partido
Há a expectativa de que Alckmin seja candidato a vice-presidente do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições de 2022 (Créditos: Divulgação / Redes Sociais)

Geraldo Alckmin, ex-governador de São Paulo, se reuniu nesta segunda-feira (7) com Carlos Siqueira, presidente nacional do PSB, para fechar sua filiação ao partido. A reunião aconteceu em um hotel na capital paulista e, de acordo com o dirigente nacional do partido, a reunião selou sua filiação ao partido. “Está praticamente [certa], mas ainda falta a data”, disse Siqueira à CNN Brasil.

Publicidade

Existe a expectativa de que Alckmin assine a ficha de afiliação na segunda quinzena deste mês de março, em um evento na capital paulista. A data exata ficou a cargo de Alckmin definir. Há a expectativa de que Alckmin seja candidato a vice-presidente do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições deste ano de 2022.

Por mais que tenha uma resistência interna do PT, Lula já havia dito que Alckmin é seu nome favorito para o posto. O ex-vice-governador de São Paulo Márcio França e o prefeito de Recife, João Campos, os dois do PSB, participaram do encontro entre Alckmin e Siqueira.

Publicidade