Preço do diesel

Bolsonaro critica Petrobras nas redes sociais

“A Petrobras pode mergulhar o Brasil num caos”, afirmou o presidente da República. O governo federal é contra qualquer aumento nos preços dos combustíveis.

Bolsonaro critica Petrobras no twitter
Presidente da República, Jair Bolsonaro (Crédito: Andressa Anholete/ Freelancer)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) fez uma publicação em seu perfil nas redes sociais nesta sexta-feira (17), criticando a Petrobras, que deve anunciar novos reajustes no preço do diesel. Bolsonaro escreveu que o governo federal, como acionista majoritário da empresa, é contra qualquer aumento nos preços dos combustíveis. Segundo o presidente, esta decisão não está ligada somente ao “exagerado lucro“, como também ao “interesse público” previsto na Lei das Estatais. 

Publicidade

O presidente da República acredita que “a Petrobrás pode mergulhar o Brasil num caos”. Seus presidente, diretores e conselheiros bem sabem do que aconteceu com a greve dos caminhoneiros em 2018, e as consequências nefastas para a economia do Brasil e a vida do nosso povo”, afirmou ele. 

Segundo informações divulgadas pela CNN, o diesel deve ser reajustado entre 12% e 14%, e este novo valor já valerá a partir do próximo sábado (18). O Brasil não pode ter uma grande defasagem com os preços no mercado internacional, porque depende de importações do combustível para atender à demanda. 



Publicidade