vaquinha virtual

Goleiro Bruno teria desaparecido com dinheiro arrecadado para pagar pensão, diz jornalista

De acordo com a colunista, um oficial de Justiça esteve na residência de Bruno três vezes durante o último mês. 

goleiro-bruno-teria-desaparecido-com-dinheiro-arrecadado-para-pagar-pensao-diz-jornalista
Goleiro Bruno (Créditos: Reprodução/ Redes Sociais)

A mulher do goleiro Bruno Fernandes utilizou as redes sociais para solicitar apoio de seus seguidores e fãs. Em uma vaquinha virtual, ela pediu doações para arrecadar R$ 90 mil, para pagar as pensões atrasadas que Bruno deve ao filho que teve com Eliza Samúdio. No entanto, o casal pode ter desaparecido com o dinheiro arrecadado.

Publicidade

A  informação foi divulgada pela jornalista Gaby Cabrini, do “Fofocalizando”, programa do SBT. De acordo com a colunista, um oficial de Justiça esteve na residência de Bruno três vezes durante o último mês.

Segundo a jornalista, em uma das visitas, o goleiro teria recebido o pedido de prisão, expedido pela 1ª Vara da Família de Cabo Frio (RJ). O oficial teria informado à Justiça que o endereço de Bruno se encontrava abandonado, com a casa vazia e sem carro na garagem.

Cabrini aponta que o goleiro Bruno pode ter desaparecido com os valores que arrecadou com a vaquinha virtual. A campanha teria arrecadado cerca de R$ 19 mil, nas primeiras 48 horas.

O  caso

Bruno Fernandes foi preso e condenado por homicídio triplamente qualificado de Eliza Samúdio, sua ex-namorada, em 2010. Na época, ele atuava como goleiro no Flamengo e perdeu seu emprego assim que as suspeitas do crime se reforçaram.

Publicidade

De acordo com a polícia, Bruno teria mandado esquartejar Eliza. A jovem de 25 anos era mãe do filho recém-nascido do goleiro Bruno. O corpo de Eliza nunca foi encontrado.

Publicidade