Ataques à democracia

Moraes dá 5 dias para PF tomar depoimento de empresário que emprestou jatinho a Silveira

Otávio Fakhoury teria emprestado o jato à Silveira para que o parlamentar pudesse comparecer nos protestos bolsonaristas no Rio de Janeiro e em São Paulo.

moraes-da-5-dias-para-pf-tomar-depoimento-de-empresario-que-emprestou-jatinho-a-silveira
À mesa, o empresário Otávio Oscar Fakhoury sendo interrogado pela CPI da Covid em 30 de setembro de 2021 (Crédito: Leopoldo Silva/Agência Senado)

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a Polícia Federal realize, dentro de cinco dias, a oitiva do empresário Otávio Fakhoury por supostamente ter colocado um jato particular à disposição do deputado federal Daniel Silveira (PTB-RJ).

Publicidade

Fakhoury, que também é presidente do PTB em São Paulo, teria emprestado o jato à Silveira para que o parlamentar pudesse comparecer nos protestos bolsonaristas do Rio de Janeiro e nas manifestações da avenida Paulista, em São Paulo, ambas ocorridas no dia 1º de maio.

“Considerando a condição de investigado do referido empresário e a violação às medidas cautelares impostas ao parlamentar, determino a oitiva, no prazo máximo de cinco dias, de Otávio Oscar Fakhoury, para que esclareça as circunstâncias do financiamento de aeronave particular”, disse Moraes no despacho.

O empresário é investigado na Corte por suspeita de ter financiado veículos propagadores de fake news.

O advogado João Vinícius Manssur, que representa Fakhoury ,informou à CNN que seu cliente não foi intimado da decisão e, quando devidamente intimado, apresentará os esclarecimentos necessários. A defesa de Silveira também foi procurada, mas não se manifestou.

Publicidade