Taxa de positividade dos testes de Covid-19 em farmácias aumenta em 5,7%

De acordo com a Abrafarma, foram 67.314 testes rápidos realizados, dos quais 10.307 indicaram diagnósticos positivos para Covid-19.

taxa-de-positividade-dos-testes-de-covid-19-em-farmacias-aumenta-em-57
Teste de Covid-19 (Créditos: Al Bello/Getty Images)

Diante da flexibilização de medida contra a Covid-19, como o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras, a Associação Brasileira de Redes de Farmácia e Drogarias (Abrafarma) registrou um aumento na taxa de testes positivos em farmácias.

Publicidade

O índice saltou de 9,65%, na semana entre 11 e 17 de abril, para 15,3% na semana entre 18 e 24 de abril, sendo um aumento de 5,7%. Nos últimos dias figuras como o pré-candidato à vice-presidência Geraldo Alckmin (PSB) e o pré-candidato Ciro Gomes foram diagnosticados com a Covid-19, ambos com leves sintomas.

De acordo com a Abrafarma, foram 67.314 testes rápidos realizados, dos quais 10.307 indicaram diagnósticos positivos para Covid-19. Ainda segundo a entidade, o aumento dos casos coincide com a flexibilização das medidas de combate a doença.

Segundo o portal Correio do Povo, especialistas apontam que o risco de uma nova onda de infecções é baixo, devido a alta taxa de vacinação no país. Em nota, a Droga Raia e a Drogasil informaram que, nos últimos meses, a demanda dos testes cresceu em 10%. Os pacientes que desejam realizar os testes rápidos em farmácias podem agendar o serviço por meio de sites ou aplicativos das drogarias.

O teste de Covid-19 realizado nas farmácias custa em torno de R$ 100. Já os autotestes, também disponíveis para venda nas drogarias possuem o custo médio de R$ 70 o valor unitário.

Publicidade

Publicidade