Desvalorização

NFTs comprados por Neymar por R$ 6 milhões valem cerca de R$ 1 milhão atualmente

Assim como demais criptomoedas, o ethereum perdeu valor desde janeiro de 2022, em meio ao ciclo de alta de juros por parte dos bancos centrais das principais economias.

nfts-comprados-por-neymar-por-r-6-milhoes-valem-cerca-de-r-1-milhao-atualmente
Criptomoedas (Créditos: Pixabay)

O jogador de futebol Neymar Júnior entrou para o mundo dos NFTs no começo deste ano, quando comprou três artes virtuais por R$ 6,48 milhões, de uma das coleções de maior valor do mundo, a “Bored Ape Yacht Club”. Na época, o atleta compartilhou o assunto por meio de suas contas no Instagram e Twitter.

Publicidade

Entretanto, com a desvalorização do ethereum, a criptomoeda usada para negociar os tokens, os valores dos criptoativos do atleta já caíram pouco mais de 77%, para R$ 1,45 milhão, desde então. Neymar Jr. é proprietário dos NFTs #5269, #6633 e #10953.

Assim como demais criptomoedas, o ethereum perdeu valor desde janeiro de 2022, em meio ao ciclo de alta de juros por parte dos bancos centrais das principais economias, que lutam para conter a inflação, afirma Valter Rebelo, especialistas em criptomoedas da Empiricus.

O banco central dos Estados Unidos, o Federal Reserve, iniciou um ciclo de alta de juros em março de 2022. Segundo a CNN, até o momento, já foram realizadas três altas de juros, totalizando 1,5 ponto percentual, com a mais recente, de 0,75 ponto percentual, sendo a maior em mais de 20 anos.

O especialista também aponta que existem fatores que contribuem para a inflação e estão fora do controle dos órgãos financeiros, como tensões geopolíticas, guerras, aumento do preço de energia, “criando um movimento de aversão a risco”.

Publicidade

Publicidade