Jogo Decisivo

Santos recebe La Calera pela Sul-Americana de olho na ponta do Grupo C

O Alvinegro Praiano soma sete pontos, um a menos que o La Calera. Como somente o líder da chave passa de fase na Sul-Americana, uma derrota elimina os paulistas mesmo com um jogo a fazer.

Santos recebe La Calera pela Sul-Americana de olho na ponta do Grupo C
O jovem atacante Ângelo é desfalque para o jogo de hoje (Crédito: Ricardo Moreira/Getty Images)

A quinta-feira (18) será decisiva para o Santos na Copa Sul-Americana. O Peixe recebe o Unión La Calera (Chile) às 21h30 (horário de Brasília), na Vila Belmiro, no litoral paulista, pela quinta e penúltima rodada do Grupo C, com obrigação de não perder para seguir com chances de avançar às oitavas de final. O duelo será transmitido ao vivo pela Rádio Nacional, com narração de André Marques, comentários de Waldir Luiz e reportagem de Bruno Mendes.

Publicidade

O Alvinegro Praiano soma sete pontos, um a menos que o La Calera. Como somente o líder da chave passa de fase na Sul-Americana, uma derrota elimina os paulistas mesmo com um jogo a fazer. O empate mantém os santistas vivos, dependendo de um tropeço dos chilenos para o Universidad de Quito (Equador), na última rodada, além da obrigação de vitória sobre o Banfield (Argentina). Se ganhar, a equipe comandada por Fabián Bustos vai para a última rodada na ponta, com dois pontos de vantagem, dependendo só de si para avançar.

Publicidade

O fator-casa pode ajudar o Santos a sair de campo em situação favorável. O Peixe venceu os seis compromissos que teve na Vila Belmiro sob comando de Bustos, com boa média de gols. O Peixe balançou as redes 18 vezes (média de três por partida) e foi vazado apenas seis (um por jogo).

Apesar do técnico utilizar a Sul-Americana para rodar o elenco, escalando força máxima no Campeonato Brasileiro, o caráter decisivo da partida contra o La Calera deve levar Bustos a mandar a campo o que tem de melhor, ou algo próximo disso. O único desfalque certo é o atacante Ângelo (trabalho de reequilíbrio muscular), que esteve presente no empate por 1 a 1 entre as equipes no último dia 28 de abril, no estádio Sausalito, na chilena Viña del Mar.

Publicidade

A formação pode ter João Paulo; Auro (Madson), Kaiky (Maicon), Eduardo Bauermann e Felipe Jonatan (Lucas Pires); Camacho (Rodrigo Fernández), Sandry (Vinícius Zanocello) e Ricardo Goulart; Rwan (Léo Baptistão), Marcos Leonardo e Bryan Angulo (Jhojan Julio). Entre parênteses, estão titulares que podem ser poupados e preservados para o Brasileirão, onde o Peixe está em quinto lugar.

Apesar do bom momento no torneio continental, podendo assegurar classificação antecipada às oitavas em caso de vitória, o La Calera vive fase difícil no Campeonato Chileno, no 14º (e antepenúltimo) lugar entre 16 clubes, após 13 rodadas. O duelo contra o Santos será o segundo do técnico Federico Vilar, argentino naturalizado mexicano, a frente da equipe.

Os chilenos devem ir a campo com Ignacio Arce; Pedro Henrique, Christian Vilches e Henry Sanhueza; Matías Fernandez, Gonzalo Castellani, Williams Alarcón, César Perez e Esteban Valencia; Mathías Vidangossy e Sebastián Sáez. Destaques aos zagueiros Vilches (38 anos, ex-Athletico-PR) e Pedro Henrique (brasileiro revelado pelo Internacional e que defendeu o Sport em 2021) e ao atacante Sáez, responsável por três dos cinco gols do La Calera na Sul-Americana até o momento.

Publicidade

(Agência Brasil)