Jair Bolsonaro x STF

“Barroso, você é um mentiroso”, diz Bolsonaro

O chefe do executivo voltou a criticar a defesa das urnas eletrônicas em entrevista para a Rádio Guaíba.

Bolsonaro volta a criticar os ministros do STF
Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PL) (Crédito: Andressa Anholete / Freelancer)

O presidente Jair Bolsonaro (PL), criticou nesta terça-feira (2) os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo o presidente brasileiro, Roberto Barroso é um ‘mentiroso e criminoso’. Bolsonaro disse, ainda, que Luiz Fux, presidente da corte, ‘equivocou-se ao defender as urnas eletrônicas’ na segunda-feira (01). 

Publicidade

Em uma entrevista para a Rádio Guaíba, o presidente do Brasil falou:  “Respeito o Fux, de vez em quando trocamos algumas palavras. Ele é chefe de Poder. Mas, no mínimo, para ser educado, [a fala foi] equivocada. Ou fake news. Deveria estar o Fux respondendo processo no inquérito lá do Alexandre de Moraes se fosse um inquérito sério e não essa mentira e enganação”. 

Ainda sobre Fux, Bolsonaro complementou dizendo que:  “No meu entender, presidente Fux verbaliza aquilo que chamo de, algo para se defender, corporativismo. Não estou atacando o Supremo de jeito nenhum, mas, já que [o sistema eleitoral] é tão evoluído assim, por que Reino Unido, Japão, Coreia do Sul, Estados Unidos, Reino Unido, Itália não usam?”. 

O chefe do Executivo disse novamente que Barroso interferiu diretamente na votação da PEC do voto impresso pela Câmara dos Deputados. “Interferência política é crime previsto na Constituição. O Barroso é um criminoso […] depois ele vai para o Reino Unido falando que queriam ressuscitar o voto de papel como antigamente. Barroso, você é um mentiroso, um mentiroso”, falou Bolsonaro. 

Além disso, o presidente Bolsonaro aproveitou para convocar seus apoiadores para irem às ruas no feriado de 7 de setembro, que marca a Independência do Brasil. “Nunca havia convocado movimento de rua. Nós estamos aqui convidando a população”, disse Bolsonaro.


Publicidade