Bolsonaro apresenta teste de Covid negativo ao STF, e comparecerá à posse de Mendonça

Exigências do Supremo, é a realização do exame, ou a apresentação do comprovante de que tomou a vacina, para que os convidados possam participar de maneira presencial da cerimônia, que ocorre nesta quinta-feira (16)

Bolsonaro apresenta teste de Covid negativo ao STF, e comparecerá à posse de Mendonça
O Supremo passou a exigir a apresentação do comprovante de vacinação, após reabrir o acesso ao público externo no mês passado (Créditos: Andressa Anholete/Getty Images)

O presidente Jair Bolsonaro (PL), comparecerá à cerimônia de posse de André Mendonça como ministro da Corte. Bolsonaro comunicou ao Supremo Tribunal Federal (STF) que fez um exame para Covid-19 e testou negativo.

Publicidade

Exigências do Supremo, é a realização do exame, ou a apresentação do comprovante de que tomou a vacina, para que os convidados possam participar de maneira presencial da cerimônia, que ocorre nesta quinta-feira (16).

O Supremo passou a exigir a apresentação do comprovante de vacinação, após reabrir o acesso ao público externo no mês passado. Se não estiver vacinado tem de apresentar um teste negativo para Covid feito pelo menos 72 horas antes. São obrigatórios o uso de máscaras de proteção e manter o distanciamento social.

Segundo informações do G1, no mês passado, mostraram que o advogado Frederick Wassef, que defende o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), sua entrada foi barrada por não apresentar seu comprovante de vacinação contra a Covid.

Bolsonaro indicou Mendonça para uma vaga no Supremo e é o segundo ministro que o presidente indica ao cargo. André Mendonça, vai ocupar a cadeira de Marco Aurélio Mello, que se aposentou quando completou 75 anos.

Publicidade