Frente fria

Cidades do Sul registram neve e sensações térmicas negativas

O recorde de temperatura ficou com São José dos Ausentes, no Rio Grande do Sul, que registrou -2°C nos termômetros, com sensação térmica de -20°C.

cidades-do-sul-registram-neve-e-sensacoes-termicas-negativas
Carro coberto pela neve em São Joaquim (Créditos: Reprodução/Instagram)

A madrugada no Sul do país foi marcada por neve, sensações térmicas negativas e incidentes causados pelos fortes ventos, alcançado mais de 100 km/h. Em Santa Catarina, na Serra do Rio do Rastro, um caminhão tombou pela ventania.

Publicidade

O recorde de temperatura negativa no Sul ficou com São José dos Ausentes, no Rio Grande do Sul, que registrou -2°C nos termômetros, com sensação térmica de -20°C, segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia.

A cidade também registrou queda de neve durante a madrugada, assim como Cambará do Sul, na Serra Gaúcha e alguns municípios de Santa Catarina, como Urupema, Urubici e São Joaquim. No litoral do Rio Grande do Sul, em Tramandaí, parte de um hospital foi destalhada em meio aos fortes ventos. Nenhum paciente ficou ferido e todos foram realocados dentro da própria instituição.

Na Serra do Rio do Rastro, sul de Santa Catarina, um caminhão que estava parado ao lado de um posto da Polícia Rodoviária tombeio em meio aos fortes ventos no início na da madrugada desta quarta-feira (18). Imagens registraram o veículo tremendo até virar completamente. De acordo com a Polícia Militar Rodoviária, a estação meteorológica da corporação registrou ventos de 157 hm/h.

Publicidade

No Sudeste, a cidade de São Paulo registrou a madrugada mais fria do ano nesta quarta-feira (18), com 7°C. Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo, a sensação de frio em algumas regiões da capital foi ainda maior, chegando a -4°C na Zona Sul.

 

Publicidade