Ministro da Agricultura é contra redução de tarifa de importação de queijo

Marcos Montes disse que o governo precisa encontrar formas de evitar aumentos elevados nos preços e garantir o abastecimento

Ministro da Agricultura é contra redução de tarifa de importação de queijo
Medida que visa combater a inflação pode afetar produtores leiteiros (Crédito: Canva Fotos)

O novo ministro da Agricultura, Marcos Montes, afirmou nesta quinta-feira (31) ser contra a redução de tarifas de importação de alguns alimentos, como o queijo. O produto teve o Imposto de Importação rebaixado de 28% para zero como estratégia de combate a inflação.

Publicidade

Montes disse que o assunto está sendo tratado com o Ministério da Economia. ”Estamos tratando diretamente com o Ministério da Economia. Cabe a eles construir essas alternativas. Nós, particularmente, não concordamos”, disse o novo ministro, que antes era secretário-executivo da Agricultura.

Há duas semanas atrás, o governo federal anunciou a redução a zero das alíquotas de importação de seis alimentos da cesta básica e do etanol. Na lista estão café torrado, margarina, queijo, macarrão, açúcar e óleo de soja

Marcos Montes admitiu que existe uma escalada da inflação no mundo e que o governo precisa encontrar formas de evitar aumentos elevados nos preços e garantir o abastecimento.

Entretanto, afirmou que a redução da alíquota do queijo não terá um impacto importante e ainda vai prejudicar o produtor de leite brasileiro. ”O governo vive buscando alternativas para diminuir um pouco essa inflação galopante no mundo todo e o Brasil ainda consegue segurar alguma coisa. Mas o pessoal do leite é sofredor há muito tempo. Essa questão da importação do queijo mussarela impacta a inflação, mas de um tamanho muito pequeno e pode comprometer mais ainda o produtor. Estamos atentos a isso”, afirmou.

Publicidade

Publicidade