Inflação

Em SP, presidente critica Petrobras e diz “lamentar” preço do diesel

As declarações foram dadas durante a abertura de uma feira de negócios organizada pela Associação Paulista de Supermercados.

O presidente Jair Bolsonaro voltou hoje (16) a criticar a Petrobras pelas sucessivas altas nos preços dos combustíveis e disse que lamenta
A alta nos preços do diesel impacta na maioria dos outros produtos, visto que os caminhões que fazem o transporte da maioria dos produtos do país são movidos a diesel (Crédito: Mark Renders/Getty Images)

O presidente Jair Bolsonaro (PP) voltou hoje (16) a criticar a Petrobras pelas sucessivas altas nos preços dos combustíveis e disse que lamenta o atual preço do diesel.

Publicidade

O mandatário reclamou que a Petrobras busca o lucro máximo, “em vez fazer como as petrolíferas do mundo todo tiveram , reduziram suas margens de lucro”, disse.

“Nada contra a empresa ter lucro, tem que ter lucro. De outro lado, a gente sabe que não dá certo, e vê-se obrigado a mexer nas peças do tabuleiro”, acrescentou o presidente. “A gente lamenta o preço do diesel altíssimo”, afirmou.

As declarações foram dadas durante a abertura de uma feira de negócios organizada pela Associação Paulista de Supermercados, que ocorre na zona norte da capital paulista.

Também estiveram presentes os ministros Paulo Guedes (Economia) e Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia), bem como o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB). O ex-ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes (Republicanos), também discursou na abertura do evento. Ele é pré-candidato ao governo de São Paulo.

Publicidade

(Agência Brasil)