SEGUNDO MILITARES

Coreia do Norte envia dezenas de balões com lixo e fezes para a Coreia do Sul

As autoridades acreditam que o ocorrido seja uma resposta a uma ação semelhante promovida por ativistas sul-coreanos e desertores do país

Coreia do Norte envia dezenas de balões com lixo e fezes para a Coreia do Sul
Coreia do Norte envia dezenas de balões com lixo e fezes para a Coreia do Sul – Créditos: Reprodução/X

A Coreia do Norte enviou aproximadamente 150 balões para a Coreia do Sul, carregando fezes e lixo, conforme relataram militares sul-coreanos nesta quarta-feira (29). Um alerta foi emitido para os moradores das regiões fronteiriças.

Publicidade

Os balões começaram a ser avistados sobrevoando o território sul-coreano na noite de terça-feira (28). De acordo com o governo da Coreia do Sul, alguns deles conseguiram alcançar uma província no sudoeste do país.

Imagens divulgadas pela imprensa sul-coreana mostram balões brancos amarrados a sacos plásticos contendo lixo. Os militares informaram que encontraram resíduos como garrafas plásticas, baterias, peças de calçados e fezes.

Publicidade

Balões com k-pop

As autoridades acreditam que o envio de balões pela Coreia do Norte seja uma retaliação a ações semelhantes realizadas por ativistas sul-coreanos e desertores norte-coreanos.

Nos últimos anos, críticos do regime de Kim Jong-un enviaram balões para o país com panfletos negativos sobre o governo, além de cartões de memória com músicas de k-pop.

A Coreia do Sul desmotivou essas práticas, argumentando que não contribuem para a paz, e chegou a aprovar uma lei proibindo o lançamento em 2021, que foi posteriormente derrubada pela Suprema Corte por violar a liberdade de expressão.

Publicidade

Segundo a agência sul-coreana Yonhap, a Coreia do Norte prometeu uma “ação olho por olho” contra “coisas sujas” enviadas da Coreia do Sul.

Em resposta aos balões norte-coreanos, as autoridades sul-coreanas alertaram os moradores a não se aproximarem e a chamarem a polícia. Os militares sul-coreanos afirmaram que esses atos da Coreia do Norte violam o direito internacional e ameaçam a segurança do povo, classificando a atitude como “desumana” e “vulgar“.

Publicidade

Assine nossa newsletter

Cadastre-se para receber grátis o Menu Executivo Perfil Brasil, com todo conteúdo, análises e a cobertura mais completa.

Grátis em sua caixa de entrada. Pode cancelar quando quiser.