momentos históricos

Lembre dos funerais que reuniram milhões de pessoas

A estimativa do Reino Unido é de que, ao menos, 750 mil pessoas passem pelo funeral da Rainha Elizabeth II.

lembre-de-funerais-que-reuniram-milhoes-de-pessoas
Príncipes e o então príncipe Charles acompanham funeral da princesa Diana (Créditos: Getty Images)

O funeral da Rainha Elizabeth II, na Abadia de Westminster, no Reino Unido, é considerada uma das maiores ocasiões diplomáticas e históricas do século. A cerimônia reúne autoridades das principais nações e possivelmente, milhões de pessoas.

Publicidade

A fila para observar o caixão da monarca chegou a oito quilômetros de extensão. A estimativa do Reino Unido é de que, ao menos, 750 mil pessoas passem pelo funeral da Rainha Elizabeth II. A cerimônia histórica atrai multidões e até mesmo pessoas de outros países.

Publicidade

O funel da princesa Diana, em 6 de setembro de 1997, foi um dos que mais levou pessoas às ruas. A estimativa oficial é de que 2,5 milhões de pessoas tenham acompanhado as cerimônias de despedida de Lady Di. A princesa, que foi casada com o então príncipe Charles III, morreu em um acidente de carro, em Paris. Seu funeral ocorreu na Abadia de Westminster, onde ocorrerá o funeral da Rainha Elizabeth II.

Após a morte de rei George VI, Elizabeth II assumiu o trono como rainha. O primeiro-ministro britânico era Winston Churchill. Ele foi premiê do Reino Unido de 1940 a 1945 e, posteriormente, de 1951 até 1955, quando renunciou ao mandato.

Em 30 de janeiro de 1965 ocorreu seu funeral, que atraiu ao menos um milhão de pessoas. Foi o primeiro Funeral de Estado de um político no século, sendo o maior evento nacional desde a Coroação em 1953.

Publicidade

Em 8 de abril de 2005, aproximadamente dois milhões de pessoas foram a Roma para despedida do papa João Paulo II. A cerimônia reuniu líderes mundiais, como o então presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva e o então presidente dos Estados Unidos, George W. Bush.