Otan vai enviar mais uma leva de armas para a Ucrânia

O anuncio foi feito quinta-feira (7) pelo secretário-geral da aliança militar ocidental, Jens Stoltenberg

otan-vai-enviar-mais-uma-leva-de-armas-para-a-ucrania
Símbolo Otan (Créditos: Action press-Pool/Getty Images)

Os países membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) enviarão uma “ampla variedade” de armas para a Ucrânia. O anuncio foi feito quinta-feira (7) pelo secretário-geral da aliança militar ocidental, Jens Stoltenberg.

Publicidade

De acordo com o portal G1, após reunião dos ministros de Relação Exteriores da Otan e o da Ucrânia, os países que compõem a aliança militar concordaram em “fortalecer o apoio” a Kiev. A Ucrânia solicitou a Otan para que interferisse no conflito com a Rússia, entretanto, o país não é parte do grupo e a aliança negou a interferência.

Há semanas, o líder ucraniano Volodymyr Zelensky confirmou a desistência de integrar a Otan. Essa é uma das exigências russas pra um possível acordo de paz.

Publicidade

Entenda o conflito

Desde o dia 24 de fevereiro, Vladimir Putin deu início ao conflito contra a Ucrânia ao bombardear regiões do país. A invasão contou com domínios por terra, mar e ar, após autorização do presidente russo.

Vladimir Putin não aceita que a Ucrânia faça parte da OTAN, uma aliança criada pelos Estados Unidos. O presidente não deseja que uma base inimiga seja estabelecida próxima a seu território, uma vez que a Ucrânia faz fronteira com a Rússia. Esse foi um dos estopins para que Putin iniciasse os ataques.

Publicidade