Conflito Rússia x Ucrânia

UE aprova mais 500 milhões de euros em armas para Ucrânia

Desde o início do conflito, o bloco europeu já destinou 2 bilhões de euros para a Ucrânia em ajuda militar.

ue-aprova-mais-500-milhoes-de-euros-em-armas-para-ucrania
O alto representante da UE para Relações Exteriores, Josep Borrell (Crédito: Hannah McKay – WPA Pool/Getty Images)

O Conselho da União Europeia (UE) aprovou nesta terça-feira (24) uma remessa de 500 milhões de euros em armas para a Ucrânia. A soma total da ajuda concedida para o país invadido pela Rússia, através do Mecanismo Europeu para a Paz (FEAP), é de 2 bilhões de euros. “A história do amanhã está sendo escrita hoje, nos campos de batalha da Ucrânia”, disse o alto representante da UE para Relações Exteriores, Josep Borrell, em comunicado.

Publicidade

Borrell ainda garantiu que a UE e seus países membros “estão determinados a manter” o apoio: “Nós o fizemos desde o início da guerra e continuaremos até o fim”, acrescentou. O espanhol também detalhou que as medidas de assistência consistem em 490 milhões de euros para equipamentos militares para fornecer “força letal para fins defensivos” e mais 10 milhões de euros para cobrir o fornecimento de equipamentos e suprimentos de proteção pessoal, kits de primeiros socorros e combustível.

Durante o anuncio do novo pacote militar, a UE fez questão de ressaltar que a guerra promovida pela Rússia contra a Ucrânia viola seriamente o direito internacional e está causando perdas maciças de vidas e ferimentos a civis. “A Rússia está dirigindo seu ataque contra a população civil e está visando a infraestrutura civil, como hospitais, instalações médicas, escolas e abrigos. Estes crimes de guerra devem cessar imediatamente”, disse Borrell.

 

Publicidade