Fale conosco

O que vc está procurando?

Esporte

Campeã brasileira em 2019, Tatiele Silveira deixa Ferroviária

campea-brasileira-em-2019,-tatiele-silveira-deixa-ferroviaria

Tatiele Silveira não é mais a técnica do futebol feminino da Ferroviária. O desligamento da treinadora campeã brasileira no comando das Guerreiras Grenás em 2019 foi informado pelo time paulista em nota oficial divulgada na segunda-feira (21). Segundo o comunicado, a decisão pela saída da profissional de 40 anos foi tomada para reestruturar “alguns pilares da gestão do futebol feminino do clube”.

“Para que a instituição se mantenha competitiva em um mercado cada vez mais inflacionado, o clube optou pela adequação de sua estrutura e métodos de trabalho, pelo maior investimento na formação e desenvolvimento de jovens talentos da categoria, além da constituição de um plano de carreira para atletas que desejam o progresso de um projeto sustentável neste mercado”, diz a nota da Ferroviária.

Em postagem no Instagram, Tatiele confirmou a saída e enalteceu o trabalho de dois anos realizado no clube de Araraquara (SP).

 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por T a t i S i l v e i r a (@tatielesilveira)

“Desde a chegada, lá em janeiro de 2019, construímos um sólido trabalho, que resultou em um dos momentos mais felizes da minha trajetória: a conquista do tão sonhado título [da Série A1 – primeira divisão] do Brasileirão Feminino. Fico feliz em olhar para trás e sentir que tive um impacto, que acredito ter sido positivo, na história do clube, e que pude ajudar a fazer diferença para grandes atletas, profissionais, torcedores e principalmente para o futebol feminino brasileiro”, destaca a técnica.

No ano passado, além do título nacional em cima do Corinthians, Tatiele levou as Guerreiras Grenás às semifinais da Libertadores e do Campeonato Paulista, caindo nos dois torneios para o Timão. Em 2020, a equipe parou nas quartas de final do Brasileiro, eliminada pelo Palmeiras, e alcançou a decisão estadual, novamente superada pelas corintianas.

Agência Brasil

Mais em Perfil

Últimas Notícias