complexo da penha

Bolsonaro elogia operação no Rio que deixou 25 mortos

O presidente comemorou em seu Twitter a neutralização de ”20 marginais”.

bolsonaro-elogia-operacao-policial-no-rio-que-deixou-25-mortos
(Créditos: Andressa Anholete/Getty Images)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) elogiou nas redes sociais a operação policial que deixou 25 mortos e sete feridos na Vila Cruzeiro, no Complexo da Penha, zona norte do Rio de Janeiro, nesta terça-feira (24). “Parabéns aos guerreiros do Bope e da Polícia Militar do Rio de Janeiro que neutralizaram pelo menos 20 marginais ligados ao narcotráfico em confronto, após serem atacados a tiros durante operação contra líderes de facção criminosa”, escreveu Bolsonaro.

Publicidade

De acordo com a PM, a operação tinha como objetivo prender chefes do Comando Vermelho de diferentes Estados. Os criminosos estariam escondidos na Vila Cruzeiro, de onde comandariam o crime organizado. Ninguém foi preso durante a ação policial.

Publicidade

Entre as mortes, Gabriele Ferreira da Cunha, de 41 anos foi atingida por uma bala perdida dentro de casa, na comunidade da Chatuba, vizinha da Vila Cruzeiro. Todos os demais mortos, de acordo com a polícia, seriam suspeitos. Entre os feridos, dois estão em estado grave. Outros três têm quadro estável, incluindo um policial atingido por estilhaços.

 

Publicidade