ativista PCD

Influenciadora Belly Palma morre aos 29 anos após sofrer um engasgo

Belly sofreu um engasgo seguido de uma parada cardiorrespiratória na sexta-feira (26). Desde então, a influenciadora permaneceu internada, mas não resistiu e teve morte encefálica.

influenciadora-e-ativista-belly-palma-morre-aos-29-anos-apos-sofrer-um-engasgo
Nas redes sociais, Belly falava sobre os desafios da vivência das pessoas com deficiência (Créditos: Reprodução/Instagram)

A modelo e influenciadora Izabelle Marques, conhecida por Belly Palma, morreu na segunda-feira (29). De acordo com comunicado, Belly sofreu um engasgo seguido de uma parada cardiorrespiratória na sexta-feira (26). Desde então, a influenciadora permaneceu internada, mas não resistiu e teve morte encefálica.

Publicidade

Belly nasceu com uma má formação na medula espinhal conhecida como mielomeningocele. Ao longo da vida, foi submetida a mais de 35 cirurgias. Como cadeirante, ela buscou falar abertamente nas redes sociais sobre os desafios da vivência das pessoas com deficiência por meio da moda.

Formada em Administração de Empresas, Belly Palma atuou como consultora de negócios inclusivos com foco em moda inclusiva, além de realizar palestras sobre o tema.

“Ninguém é perfeito, somos todos de alguma forma PCDs. Minha maior ferramenta, para além das redes sociais, é a moda inclusiva, que é o primeiro lugar de escolha para uma pessoa com deficiência, a possibilidade de ser quem eu quiser ser a partir do que eu visto, expressão! Minha maior missão está em levar e ativar o pensamento inclusivo, moda não é apenas sobre roupa, mas sim sobre comportamentos e pessoas”, diz Belly em seu site oficial.

Publicidade