Eleições 2022

Lula critica reforma trabalhista

Durante seu discurso a sindicalistas, o ex-presidente disse que não quer voltar á reforma que era antes e que deseja adaptar uma nova legislação.

lula-critica-reforma-trabalhista
Luiz Inácio Lula da Silva (PT) (Crédito: Alexandre Schneider/Getty Images)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), criticou a reforma trabalhista, durante um discurso para sindicalistas, nesta quinta-feira (14). Lula afirmou que a reforma tenta achar uma solução, fazendo com que o trabalhador não tenha direito. Além disso, o ex-presidente criticou a proposição de reformas no geral, citando também a mudança das leis previdenciárias de 2019.

Publicidade

Durante seu discurso a sindicalistas, o ex-presidente disse que não quer voltar a reforma que era antes e que deseja adaptar uma nova legislação trabalhista a uma legislação atual. O PT até sugeriu uma revogação da reforma aprovada no governo do ex-presidente Michel Temer em 2017. Lula deu como exemplo, a revisão da reforma trabalhista da Espanha para criticar o modelo brasileiro.

De acordo com a CNN, em um documento aprovado pelo diretório nacional petista, na quarta-feira (13) que eles tiveram acesso, ficou determinado que o partido iria indicar a ideia de um novo modelo de legislação aos demais partidos. Membros do PT afirmaram que, o eventual novo governo Lula, terá nova proposta de reforma e de um novo marco regulatório com uma legislação mais moderna.

O ex-governador de São Paulo e aprovado pelo PT para ser pré-candidato à vice-presidência na chapa de Lula, Geraldo Alckmin, compareceu ao evento ao lado de Lula. O lançamento oficial da chapa Lula-Alckmin está  prevista para 7 maio.

Publicidade