Barbacena

Saiba quem é a nova beata brasileira

O processo para ser beatificada durou mais de 20 anos. Em 2001, o processo foi instalado quando ela recebeu do Vaticano o título de “serva de Deus”.

saiba-quem-e-a-nova-beata-brasileira-site-e-redes
Isabel Cristina Mrad Campos (Créditos: Reprodução/ Paróquia Nossa Senhora da Piedade)

Após 40 anos de ser brutalmente assassinada, a mineira Isabel Cristina Mrad Campos será beatificada. Em 2020, o Papa Francisco reconheceu a situação que ela passou. Isabel foi vítima de um estupro e morta pelo agressor.

Publicidade

Com o reconhecimento do pontífice, a Igreja Católica marca a solenidade que tornará oficialmente beata. A pandemia da Covid-19 atrasou o cronograma inicial. Agora, a data será 10 de dezembro, em Barbacena, a 172 km de Belo Horizonte, cidade onde Isabel nasceu.

O processo para ser beatificada durou mais de 20 anos. Em 2001, o processo foi instalado quando ela recebeu do Vaticano o título de “serva de Deus”. Em 1982, ano em que foi morta, ela havia se mudado para Juiz de Fora, a 96km de Barbacena, para fazer um curso pré-vestibular.

Isabel pretendia entrar na faculdade de Medicina e ser pediatra. Um montador de móveis, contratado por ela para ir até seu apartamento, tentou estuprar a jovem, então com 20 anos, que resistiu até a morte.

Segundo os registros, o irmão de Isabel, Paulo Roberto Mrad Campos, chegou no apartamento no início da noite e ouviu o som da TV e do rádio em alto volume. No quarto, o corpo da irmã estava ensanguentado, com várias marcas das facadas, duas delas na região vaginal e o restante nas costas.

Publicidade

Conheça a história da futura Beata Mártir brasileira, Isabel Cristina, que será beatificada no dia 10 de dezembro, em Barbacena na Arquidiocese de Mariana. pic.twitter.com/QTQHFnDUnI

— leomariae (@leo_mariae) November 11, 2022

Publicidade