"Ele falava sem nenhum constrangimento"

Valença Sotero conta o que ouviu de Leo Dias sobre o caso Klara Castanho no Troféu Imprensa

A jornalista Valença Sotero, diretora da CARAS, conta que estava no camarim quando o jornalista Leo Dias falou aos jurados do prêmio detalhes do drama da atriz Klara Castanho.

(Crédito: Reprodução/Instagram)

A jornalista Valença Sotero, diretora da CARAS, conta que detalhes do drama envolvendo a atriz Klara Castanho foram revelados pelo colunista Leo Dias nos bastidores do Troféu Imprensa, gravado há poucas semanas.

Publicidade

Ela contou que o colunista deu detalhes sobre o caso em uma conversa no camarim nos bastidores da premiação com os jornalistas que foram jurados na atração.

Estávamos no camarim, antes de entrar para gravar o Troféu Imprensa, exatamente aquele momento que os jornalistas todos se encontram e estão falando um pouquinho de mercado e tal. De repente, Leo veio com essa: que tinha uma história que ele estava horrorizado, muito comovido… E ele não relutou nenhum pouco em contar com detalhes e ele realmente tinha todos esses detalhes. Ele disse que a enfermeira que tinha o abordado, que ela tinha sido estuprada e que ela tinha dado a criança para a adoção, que teve audiência de custódia e que a menina Klara precisou várias vezes validar isso para ver se realmente era definitivo. Leo até disse que se ofereceu para adotar a criança, de tão horrorizado que ele ficou e tinha detalhes, data do parto”, disse ela à Caras.

 

Publicidade

A jornalista ainda contou sobre o que sentiu da postura do colunista, sem o menor cuidado: “Ele falava do assunto sem nenhum constrangimento e ele tinha toda a história com riqueza de detalhes. E parece que a única história que ele não colocava fé ou duvidava, ou que ele desmerecia, era a história do estupro”, afirma Valença.