Elon Musk assume compra de 9,2% do Twitter e ações da rede social disparam

A compra das ações feita pelo dono da Tesla ocorreu em 14 de março, mas foi comunicada apenas nesta segunda-feira (4)

Elon Musk (Créditos: Charley Gallay/Getty Images)

As ações da rede social Twitter dispararam em 26% nesta segunda-feira (4), após documentos mostrarem que Elon Musk assumiu 9,2% da empresa. A compra das ações feita pelo dono da Tesla ocorreu em 14 de março, mas foi comunicada apenas nesta segunda-feira.

Publicidade

O documento protocolado na Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos apontou que com a compra, Musk passou deter uma participação de 9,2%  no Twitter. Com base no fechamento das ações na sexta-feira (1), a participação é avaliada em US$ 2,9 bilhões, sendo equivalente a 73.486.938 ações.

Elon Musk é o homem mais rico do mundo, com uma fortuna avaliada em US$ 273 bilhões Além de dono da Tesla, ele também é fundador e CEO da SpaceX. O bilionário possui mais de 80 milhões de seguidores na rede social Twitter e é um usuário com grande atividade na plataforma.

De acordo com o portal G1, nas últimas semanas Musk tem questionado como a rede social lida com a liberdade de expressão, ao indicar comentários como questionáveis e bloquear usuários. Com a participação na empresa, surgem questionamentos sobre uma possível futura influência de Musk em relação a essas decisões na rede social.

O bilionário já teve problemas com postagens no Twitter, mas em relação a Comissão de Valores Mobiliários dos Estados Unidos. Musk foi proibido de fazer declarações que que afetassem o valor das ações da Tesla, sem que antes fossem avaliadas pelo conselho da montadora. Usuários da rede comentaram a novidade.

Publicidade

Publicidade