Inep divulga gabarito oficial da prova do Enem 2021

As notas só serão divulgadas no dia 11 de fevereiro, afirmou o MEC nesta semana

Inep divulga gabarito oficial da prova do Enem 2021
As notas só serão divulgadas no dia 11 de fevereiro, afirmou o MEC nesta semana (Créditos: André Tambucci/ Fotos Públicas)

O gabarito oficial do Enem foi divulgado na tarde desta quarta-feira (01) pelo Inep. As respostas podem ser acessadas através do site do Ministério da Educação, por onde estão disponíveis.

Publicidade

As notas só serão divulgadas no dia 11 de fevereiro, afirmou o MEC nesta semana. Os estudantes poderão ter acesso para consultar o boletim com as notas individuais em cada prova na data, nas disciplinas de linguagens, ciências humanas, ciências da natureza, matemática e redação.

A nota oficial da redação, também só será divulgada para todos os alunos que realizaram, no dia 11 de fevereiro de 2022.

Com o gabarito em mãos, já é possível consultar as respostas corretas assinaladas durante a prova.

Os alunos realizaram no primeiro dia, as provas de linguagens, ciências humanas e redação. Dos 74% dos 3.1 milhões dos inscritos foram fazer o exame.

Publicidade

No segundo dia da prova, que aconteceu neste último domingo (28), tiveram 70,1% das presenças dos inscritos. Na data as provas realizadas foram de matemática e ciências da natureza.

O Enem impresso teve sua realização em 11.074 locais em 1.747 municípios, chegando a ter mais de 460 mil pessoas envolvidas para a aplicação da prova, entre eles coordenadores estaduais, municipais, aplicadores, corretores de redação e supervisores.

A prova digital teve 17 mil pessoas para realização da prova. Nesse formato foi aplicado em 831 locais de prova em 99 municípios.

Publicidade

A redação deste ano de 2021 abordou temas sociais: “Invisibilidade e registro civil: garantia de acesso à cidadania no Brasil”.

Segundo informações da CNN, o tema desmobilizou as opiniões que surgiram que o Enem iria ser marcado por influências da visão política.

Depois que o presidente Jair Bolsonaro teve muita especulação quando disse que, a partir deste ano, a prova teria ” a cara do governo“.

Publicidade