conflito

Após disparo de mísseis, aviões norte-coreanos realizam exercício de bombardeio

O lançamento do míssil foi o sexto em 12 dias.

apos-disparo-de-misseis-avioes-norte-coreanos-realizam-exercicio-de-bombardeio
Foguetes do sistema de mísseis antiaéreos (Créditos: Anton Petrus/Getty Images)

Após um aparente exercício de bombardeio com aviões de guerra norte-coreanos, a Coreia do Sul despachou caças, disse o Ministério da Defesa sul-coreano.

Publicidade

Nesta quinta-feira (06), a Coreia do Norte disparou dois mísseis balísticos de curto alcance no mar, na direção do Japão. Os disparos ocorreram apenas uma hora após condenar o reposicionamento de um porta-aviões dos Estados Unidos na região.

Com o raro exercício de bombardeio com aviões norte-coreanos, a Coreia do Sul chegou a enviar 30 caças. Os aviões de guerra invadiram cada lado da fronteira fortificada em meio a crescentes tensões sobre uma série de testes de mísseis por Pyongyang, na Coreia do Norte.

“Esta é a sexta vez no curto período, contando apenas as do final de setembro”, disse o primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, para repórteres. “Isso absolutamente não pode ser tolerado.”

O lançamento do míssil foi o sexto em 12 dias. Além disso, foi o primeiro desde que a Coreia do Norte disparou um míssil de alcance intermediário (IRBM) sobre o Japão.

Publicidade

🔴 Navios de guerra dos EUA, da Coreia do Sul e do Japão realizaram um exercício de defesa antimísseis no Mar do Leste, dois dias depois que a Coreia do Norte enviou um míssil balístico sobre o Japão. (CNN)

— Mundo News (@Mundo__News) October 6, 2022

Publicidade