Denúncia de Fraude

Ministério Público espanhol pede 8 anos de prisão para Shakira

Cantora de “Waka Waka”e “Hips don’t lie” está sendo acusada de fraudar 14,5 milhões de euros do Tesouro Espanhol, porém, a artista nega as acusações e diz que já pagou 17,2 milhões de euros.

Ministério Público espanhol pede 8 anos de prisão para Shakira
Cantora colombiana Shakira (Crédito: Stuart Franklin / Equipa)

O Ministério Público de Barcelona pediu para que a cantora colombiana Shakira, acusada de fraudar 14,5 milhões de euros (aproximadamente R$ 76 milhões de reais) do Tesouro espanhol entre 2012 e 2014, fosse punida com mais oito anos de prisão e que pagasse uma multa de 24 milhões de euros (cerca de R$ 125 milhões de reais), nesta sexta-feira (29). 

Publicidade

Shakira, no entanto, rejeitou um acordo oferecido pelo Ministério Público, declarando ser inocente, nesta quarta-feira (27). Além do mais, a cantora afirmou que está disposta a ir a julgamento. “Com a plena convicção de sua inocência(…) Shakira não aceita o acordo e decide avançar com o processo”, afirmou, em nota, seus representantes jurídicos. “A justiça vai provar que ela está certa”, acrescentaram. No momento, o Tribunal de Barcelona deve decidir se vai abrir um julgamento oral para ela. 

Segundo as informações do G1, o Ministério Público de Barcelona acusou a cantora colombiana de usar uma “estrutura corporativa” para evitar o pagamento de impostos na Espanha nos anos de 2012, 2013 e 2014.  

Em nota, a intérprete de “Waka Waka”e “Hips don’t lie” disse que o Ministério Público tem insistido em recolher o dinheiro ganho em [suas] turnês internacionais e no ‘The Voice'”. Ela lembrou que durante a sua participação no programa de televisão americano “ainda não era residente na Espanha”. 

Shakira disse que já pagou 17,2 milhões de euros (cerca de R$90 milhões) que o Tesouro reivindicou, portanto, segundo ela, “não há dívida pendente”. Ela afirma que sempre agiu seguindo os critérios e recomendações de seus assessores. 

Publicidade



Publicidade





Publicidade