Fale conosco

O que vc está procurando?

Saúde

Vigilância encerra duas festas clandestinas em São Paulo

vigilancia-encerra-duas festas-clandestinas em-sao-paulo

O comitê formado pelo governo paulista para fiscalizar festas clandestinas flagrou dois eventos na noite de ontem (3) na capital paulista. Os dois locais descumpriam o Plano São Paulo, que proíbe a realização de festas, neste momento, por causa da pandemia do novo coronavírus.

Ao contrário de outras cidades, não foi feriado nesta quinta-feira na capital paulista. A prefeitura de São Paulo havia adiantado o feriado de Corpus Christi para o mês de março por causa da pandemia.

Segundo o comitê, cerca de 190 pessoas foram flagradas nas festas durante a fiscalização e a maioria delas não usava máscara de proteção e nem respeitava o distanciamento social.

Uma das festas ocorria na Avenida Lopes de Azevedo, no Morumbi, e a outra, na Rua Guararapes, em Cidade Monções. Os organizadores dos dois eventos foram localizados e autuados. Máquinas de crédito e débito e mesas controladoras de som foram apreendidas.

As ações foram deflagradas pelo Grupo Armado de Repressão a Roubos (Garra), pelo Departamento de Operações Especiais de Polícia (Dope), em conjunto com a Vigilância Sanitária, a Fundação Procon e órgãos fiscalizadores do município.

Qualquer pessoa pode denunciar festas clandestinas e funcionamento irregular de serviços não essenciais pelo telefone 0800-771-3541 e também no site ou pelo email do Centro de Vigilância Sanitária.

(Agência Brasil)