âncora fiscal

Lula: “O Brasil não precisa de teto de gastos”

O ex-presidente Lula alegou que o Brasil não precisa da medida, mas de “credibilidade e previsibilidade” e chamou o mecanismo de controle das contas públicas de “irresponsável”.

Lula diz que Brasil não precisa de teto de gastos, mas de um governo com credibilidade. (Crédito: Divulgação)

Em entrevista ao site Uol, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), candidato à Presidência  afirmou que vai rever a política do teto de gastos que existe atualmente.

Publicidade

“Não preciso de teto de gastos. Quando você faz uma lei de teto de gastos é porque você é irresponsável, porque você não confia em você, porque você não confia no seu taco, porque você não tem segurança do que vai fazer”, afirmou.

O teto de gastos, ou a âncora fiscal,  foi implementada durante o governo de Michel Temer. O mecanismo limita os gastos públicos em 20 anos, com aumentos que seguem os índices de inflação.

 

Segundo Lula,  a regra ignora a necessidade de investimentos na saúde, “para acabar com a fome, para acabar com o desemprego, para aumentar salário, para melhorar as coisas nesse país”. Ele classificou a medida como desnecessária se houver previsibilidade no Brasil.

Publicidade

Publicidade